Farol da Gibalta

IPA.00012724
Portugal, Lisboa, Oeiras, União das freguesias de Oeiras e São Julião da Barra, Paço de Arcos e Caxias
 
Arquitectura de comunicações. Farol portuário.
Número IPA Antigo: PT031110110065
 
Registo visualizado 2613 vezes desde 27 Julho de 2011
 
   
   

Registo

 
Edifício e estrutura  Edifício  Comunicações  Farol    

Descrição

Acessos

Marginal de Cascais.

Protecção

Inexistente

Enquadramento

Isolado, na encosta da Gibalta, na proximidade de Caxias, a uma altitude de 31m. Implanta-se junto à linha ferroviária e da Estrada Marginal Lisboa - Cascais.

Descrição Complementar

Utilização Inicial

Comunicações: farol

Utilização Actual

Comunicações: farol

Propriedade

Afectação

Época Construção

Séc. 20

Arquitecto / Construtor / Autor

Cronologia

1914 - Estabelecimento do primeiro farol; 1918, 27 Dezembro - início do funcionamento do primeiro farol; 1952, 31 Março - desabamento do primitivo farol da Gibalta, sobre a linha ferroviária, em consequência da derrocada de terras da encosta; 1954 - entrada em funcionamento do actual farol, edificado na proximidade do primitivo; 1960, Outubro - o farol passa a ter, exteriormente, quatro lâmpadas vermelhas, de luz fixa fluorescente, por modo a atenuar o efeito da iluminação da estrada marginal; 1973 - até esta data o farol encontrava-se pintado de cinzento, sendo posteriormente pintado de branco; séc. 21 - as seis nervuras verticais da torre e a cúpula foram pintadas de vermelho.

Dados Técnicos

A torre do farol tem uma altura de 21 m, a luz encontra-se a 31 m de altitude e o seu alcance luminoso é de 21 milhas (c. 39 km), com característica luminosa de ocultações de cor vermelha, com um período de 3 segundos.

Materiais

Bibliografia

Ministério das Obras Públicas, Relatório da Actividade do Ministério no ano de 1954, Lisboa, 1955.

Documentação Gráfica

Documentação Fotográfica

Documentação Administrativa

IHRU: DGEMN/DSID

Intervenção Realizada

DGEMN: 1954 - Realização de obras pela Direcção dos Serviços de Construção e Conservação.

Observações

EM ESTUDO.

Autor e Data

Patrícia Costa 2002 / 2007

Actualização

 
 
 
Termos e Condições de Utilização dos Conteúdos SIPA
 
 
Registo| Login