Convento de São Francisco / Igreja de Nossa Senhora da Guia / Museu de Angra do Heroísmo

IPA.00008155
Portugal, Ilha Terceira (Açores), Angra do Heroísmo, Angra (Nossa Senhora da Conceição)
 
Arquitectura religiosa.
Número IPA Antigo: PT071901040005
 
Registo visualizado 884 vezes desde 27 Julho de 2011
 
   
   

Registo

 
Edifício e estrutura  Edifício  Religioso  Convento / Mosteiro  Convento masculino  Ordem de São Francisco - Franciscanos

Descrição

Acessos

Angra (Nossa Senhora da Conceição)

Protecção

Categoria: IIP - Imóvel de Interesse Público, Decreto nº 47 508, DG, 1.ª série, n.º 20 de 24 janeiro 1967 / Incluído na Zona Central da Cidade de Angra do Heroismo (v. IPA.00010623)

Enquadramento

Descrição Complementar

Utilização Inicial

Religiosa: convento masculino

Utilização Actual

Cultural e recreativa: museu

Propriedade

Afectação

Época Construção

Arquitecto / Construtor / Autor

ORGANEIRO: António Xavier Machado e Cerveira (1788).

Cronologia

1788 - execução do órgão por António Xavier Machado e Cerveira, o seu n.º 22; 1864, 01 outubro - entra em funcionamento um posto meteorológico numa torre construída na face oeste do claustro; 1881 - transferência do posto meteorológico para a igreja do Colégio; 1980 - sismo provoca danos na igreja, obrigando ao seu encerramento; 1998, 24 Agosto - contrato com Dinarte Machado para restauro do órgão, por 8.400 contos; 2004, 09 setembro - publicação da Resolução do Conselho do Governo n.º 126/2004, referindo consumir a classificação anterior do imóvel por inclusão na Zona Central da Cidade de Angra do Heroismo, em JORAA , 1.ª série, n.º 15; 2018, 17 março - reabertura da sacristia ao público.

Dados Técnicos

Materiais

Bibliografia

«Igreja de Nª Sª da Guia reabre sacristia». In Diário Insular. 16 março 2018, p. 8; VALENÇA, Manuel - A Arte Organística em Portugal. Braga: 1990, vol. II.

Documentação Gráfica

Documentação Fotográfica

DGPC: DGEMN:DREML, SIPA

Documentação Administrativa

Intervenção Realizada

1980, década - obras de de restauro e conservação da igreja, na sequência do sismo; 2001 - início do restauro da sacristia da Igreja de Nossa Senhora da Guia; 2018 - conclusão das obras de conservação e restauro da sacristia, executados por técnicos da divisão do Património Material e Imaterial e Arqueológico da Direção Regional da Cultura.

Observações

EM ESTUDO

Autor e Data

Paula Noé 2002

Actualização

 
 
 
Termos e Condições de Utilização dos Conteúdos SIPA
 
 
Registo| Login