Chafariz Pombalino de Arruda dos Vinhos

IPA.00006273
Portugal, Lisboa, Arruda dos Vinhos, Arruda dos Vinhos
 
Arquitectura infraestrutural, pombalina. Chafariz de espaldar.
Número IPA Antigo: PT031102020002
 
Registo visualizado 410 vezes desde 27 Julho de 2011
 
   
   

Registo

 
Edifício e estrutura  Estrutura  Hidráulica de elevação, extração e distribuição  Chafariz / Fonte  Chafariz / Fonte  Tipo espaldar

Descrição

Servido por escadaria bifurcante conducente à plataforma com a bacia da água, o chafariz apresenta espaldar em cantaria contracurvado no remate. É compartimentado em 3 corpos definidos por pilastras, também presentes nos extremos; estas são superiormente rematadas por bases com forma sensivelmente piramidal onde assentam fogaréus. No corpo central, observa-se adossado ao pano de muro a vasca para a qual verte a água, que deriva de 3 bicas em metal localizadas em elemento curvo destacado, encimado por motivo escultórico relevado, de carácter vegetalista. O conjunto é coroado por pedra de armas real de Portugal, por sua vez encimado por remate em arco conopial com urna ao centro. Separado por pequeno muro e num nível inferior regista-se ainda a presença de um tanque, servido de água proveniente da bacia, através de uma única bica em cantaria, localizada a eixo. O tanque em cantaria e de planta rectangular, apresenta a face frontal protegida por 7 frades.

Acessos

Gaveto entre a Rua Heróis do Ultramar e a Rua Cândido dos Reis. WGS84 (graus decimais) lat.: 38,983358; long.: -9,077618

Protecção

Categoria: IIP - Imóvel de Interesse Público, Portaria n.º 1035/2005, DR, 2.ª série, n.º 206, de 26 outubro 2005

Enquadramento

Urbano, destacado, isolado

Descrição Complementar

Utilização Inicial

Hidráulica: chafariz

Utilização Actual

Cultural e recreativa: marco histórico-cultural

Propriedade

Pública: municipal

Afectação

Sem afectação

Época Construção

Séc. 18

Arquitecto / Construtor / Autor

Desconhecido

Cronologia

1789 - construção do chafariz para abastecimento de água à população; 1997, 25 julho - Despacho de homologação da classificação como Imóvel de Interesse Público, do Ministro da Cultura.

Dados Técnicos

Estrutura autoportantes

Materiais

Cantaria de calcário, alvenaria mista, reboco pintado

Bibliografia

ANDRADE, José Sérgio Veloso de, Memórias sobre Chafarizes, Bicas e Fontes, Lisboa, 1851; AZEVEDO, Carlos, GUSMÃO, Adriano, FERRÃO, Julieta, Monumentos e Edifícios Notáveis dos Distrito de Lisboa, Vol. I, Lisboa, 1962

Documentação Gráfica

Documentação Fotográfica

IHRU: DGEMN/DSID

Documentação Administrativa

Intervenção Realizada

Observações

Autor e Data

Teresa Vale e Maria Ferreira 1998

Actualização

 
 
 
Termos e Condições de Utilização dos Conteúdos SIPA
 
 
Registo| Login