Casa de Rui de Pinho Neto Brandão / Casa na Rua Dr. Alfredo Magalhães, n.º 29

IPA.00000603
Portugal, Aveiro, Aveiro, Eixo e Eirol
 
Casa residencial setecentista, reformada no séc. 19, de planta rectangular e dois pisos, com linhas simples e fenestração regular. Mantém alguns tetos em estuque primitivos.
Número IPA Antigo: PT020105040022
 
Registo visualizado 343 vezes desde 27 Julho de 2011
 
   
   

Registo

 
Edifício e estrutura  Edifício  Residencial unifamiliar  Casa    

Descrição

Planta rectangular, com alçados de 2 pisos e cobertura de 4 águas com 1 água furtada no lado direito. Fachada principal com embasamento pintado e fenestração regular, embora a abertura das portas no 1º. piso e 2 janelas centrais de sacada do 2º piso, sejam algo assimétricas. Todos os vãos têm emolduramento da cantaria com verga curva; as janelas são de guilhotina. A fachada lateral direita tem arcada de arcos plenos no 1º piso, que suportam varanda corrida do 2º. No interior, o átrio tem lambril de azulejos e as salas têm tectos decorados com trabalhos de estuque.

Acessos

Eixo, EN 230, Rua Dr. Alfredo Magalhães, n.º 29

Protecção

Em vias de classificação (Homologado como IM - Interesse Municipal, Despacho de 01 agosto 1997 do Ministro da Cultura)

Enquadramento

Urbana, adossado. Ergue-se no centro da povoação junto à estrada, tendo fronteiro jardim público e nas traseiras a Igreja Paroquial de Eixo / Igreja de Santo Isidoro (v. IPA.00010730). À fachada lateral esquerda adossa-se construção mais baixa, e a fachada lateral direita tem jardim fechado por muro. Nas imediações, situa-se a Casa da Família Dias Leite (v. IPA.00000786).

Descrição Complementar

Utilização Inicial

Residencial: casa

Utilização Actual

Residencial: casa

Propriedade

Privada: pessoa singular

Afectação

Época Construção

Séc. 18 / 19

Arquitecto / Construtor / Autor

Cronologia

Séc. 18 - construção do edifício; séc. 19, finais - remodelação do interior; 1996, 22 outubro - proposta de classificação do imóvel pelo proprietário; 1997, 14 janeiro - proposta de abertura do procedimento pela DRCoimbra; 25 março - Despacho de abertura do procedimento de classificação pelo vice-presidente do IPPAR; 25 março - parecer do Conselho Consultivo do IPPAR de classificação como Valor Concelhio; 2010, 03 maio - o Ministério da Cultura pede a ponderação da conclusão do procedimento à Câmara Municipal de Aveiro.

Dados Técnicos

Paredes autoportantes

Materiais

Bibliografia

http://www.patrimoniocultural.pt/pt/patrimonio/patrimonio-imovel/pesquisa-do-patrimonio/classificado-ou-em-vias-de-classificacao/geral/view/6874028 [consultado em 2 janeiro 2017].

Documentação Gráfica

Documentação Fotográfica

Documentação Administrativa

Intervenção Realizada

Observações

EM ESTUDO.

Autor e Data

Actualização

 
 
 
Termos e Condições de Utilização dos Conteúdos SIPA
 
 
Registo| Login