Casa e Capela do Bom Sucesso

IPA.00005557
Portugal, Porto, Porto, União das freguesias de Lordelo do Ouro e Massarelos
 
Arquitectura civil privada, barroca. Solar barroco de grande singeleza exterior, adossando perpendicularmente num dos ângulos a capela de planta longitudinal, composta por nave, capela-mor e sacristia, bastante mais baixa, adossada à capela-mor. Fachadas rebocadas e pintadas de branco, enquadradas por cunhais apilastrados, coroados por pináculos. Fachada principal terminada em empena recortada, coroada por cruz latina, rasgada por portal de verga curva, encimado por frontão contracurvado, interrompido por janela de linhas curvas, encimada por cornija ondulada. Remata a fachada frontão interrompido de lados curvos, preenchido ao centro por cartela rectangular. Exemplar único das casas agrícolas existentes nos limites da cidade do Porto, no século 18.
Número IPA Antigo: PT011312070093
 
Registo visualizado 1074 vezes desde 27 Julho de 2011
 
   
   

Registo

 
Edifício e estrutura  Edifício  Residencial unifamiliar  Casa  Casa abastada  

Descrição

CASA de planta em L, com dois pisos, coberturas homogénea em telhado de duas águas. Fachada principal orientada a E., rebocada e pintada de branco, percorrida por embasamento pintado a azul cinza, rasgada por vãos de verga recta envolvidos por molduras de granito, enquadrada por pilastras toscanas nos cunhais e rematada por duplo friso, cornija e beirada simples. Ao nível do primeiro piso é rasgada por duas portas de duas folhas, duas janelas protegidas com gradeamento em papo de rola e três aberturas rectangulares horizontais protegidas por grades de ferro. Entre o primeiro e o segundo piso surge a inscrição RESTAURANTE CASA AGRÍCOLA CAFÈ BAR, em letras metálicas fixadas na fachada. Segundo piso rasgado por sete janelas de guilhotina. Fachada N. pintada de bordeaux, rasgada simetricamente por quatro vãos de verga recta, em guilhotina, sendo os do primeiro piso protegidos por gradeamento em papo de rola. Fachada S. descaracterizada, rasgada por três portas metálicas. Junto a esta fachada encontra-se uma bomba de gasolina e entrada para parque de estacionamento. A fachada posterior voltada para o centro comercial, integra uma área aberta para esplanada do restaurante. CAPELA: Planta longitudinal composta por nave e sacristia, bastante mais baixa, adossada à fachada posterior. Volumes escalonados com coberturas diferenciadas em telhados de duas águas. Fachadas rebocadas e pintadas de branco, enquadradas por cunhais apilastrados, coroados nos ângulos por pináculos em forma de urna, sobre acrotérios, percorridas por duplo friso e cornija saliente. Fachada principal virada a S., terminada em empena recortada, coroada por cruz latina de cantaria. É rasgada por portal central, de verga curva, encimado por frontão contracurvado, ladeado por pináculos parcialmente integrados na fachada, interrompido por ampla janela, de linhas curvas, rematada por cornija ondulada, percorrida por filete. Rematam a fachada duplo friso, interrompido ao centro, e cornija saliente, recortada, sobrepujada por frontão interrompido, de lados curvos, preenchido ao centro por cartela de duas secções, rectangulares, definidas por filetes de ângulos curvos, com um monograma sobreposto ao centro, em baixo relevo, uma lua crescente e duas estrelas. Fachada E. rasgada por vão de janelas, de linhas curvas, protegido por grade de ferro. Fachada O. quase totalmente adossada à casa, sendo visível um vão de janela, parcialmente entaipado pela fachada da casa. Fachada posterior enquadrada por cunhais toscanos, incompletos no terço inferior, rematada em frontão triangular, interrompido na base. Sacristia bastante mais baixa, encaixada entre os cunhais da fachada posterior da capela, de massa simples, rasgada na fachada N. por vão de janela rectangular horizontal, de verga recta com moldura de granito e na fachada O. por vão semelhante, mas colocado na vertical. INTERIOR não observado.

Acessos

Rua do Bom Sucesso, nº 241 e 243, Largo do Bom Sucesso

Protecção

Categoria: MIP - Monumento de Interesse Público / ZEP, Portaria nº 250/2011, DR, 2ª série, n.º 17, de 25 janeiro 2011

Enquadramento

Urbano. Implanta-se na zona da Boavista, o novo centro económico e financeiro da cidade. A casa e capela, adossada perpendicularmente à fachada E. da casa, faziam parte da denominada Quinta de Nossa Senhora do Bom Sucesso, absorvida na segunda metade do século vinte pelo crescimento urbano, integram actualmente um complexo que engloba o Shopping Cidade do Porto, a torre dos escritórios e um hotel. Próximo encontra-se o Mercado do Bom Sucesso (v. PT011312070379).

Descrição Complementar

Utilização Inicial

Residencial: casa

Utilização Actual

Comercial: estabelecimento de restauração / Religiosa: igreja

Propriedade

Privada: pessoa colectiva

Afectação

Sem afectação.

Época Construção

Séc. 18

Arquitecto / Construtor / Autor

Nicolau Nasoni ( atribuída )

Cronologia

Séc. 18 - Construção da casa e capela do Bom Sucesso por um burguês da cidade do Porto de apelido Saraiva; 1748 - pertencia a António de Almeida Saraiva, rico mercador da cidade, passando depois para a sua filha, Rosa Maria Angélica, e, depois, ao seu neto, desembargador António Pedro de Alcântara; 1840 - pertencia ao bisneto do 1º proprietário, António de Sá Lopes; posteriormente foi ocupada pela família de Diogo Franklim; 1909 - comprada por Francisco Rocha Ferreira; Séc. 20, década de 70 - as filhas de Rocha Ferreira vendem a casa e a capela do Bom Sucesso à empresa de construção civil Nova Gaia; década de 80 - a empresa de construção civil Soares da Costa toma posse do imóvel, como compensação pelo não pagamento de uma dívida que a empresa Nova Gaia mantinha para com ela desde há anos; 1991, Setembro - Despacho de abertura do processo administrativo relativo à classificação; 1992 - a empresa Soares da Costa associa-se a uma sua congénere brasileira a "Edel" e juntas criam a sociedade Sodel que inicia a construção do Shopping Cidade do Porto em terrenos que outrora constituíam a Quinta do Bom Sucesso. A casa e capela são englobadas no projecto; 2001 - obras de recuperação da capela, bem como do retábulo de talha dourada; 2005 - os missionários Verbum Dei tomam conta da capela em regime de comodato; 2005, 8 Dezembro - reabertura da capela, após ter estado encerrada durante vários anos.

Dados Técnicos

Sistema estrutural de paredes portantes.

Materiais

Casa: embasamentos de granito aparelhado, paramentos de alvenaria, pavimentos de madeira; coberturas em telha sobre vigamento de madeira; pilastras, molduras de portas e janelas em granito; revestimentos em reboco pintado de branco e vermelho "sangue de boi". Capela: embasamentos de granito emparelhado, paramentos de alvenaria, pavimentos em lajedo de cantaria; coberturas em telha cerâmica sobre vigamento de madeira; molduras de porta e janelão em granito: revestimento em reboco caiado.

Bibliografia

QUARESMA, Maria Clementina de Carvalho, Inventário Artístico de Portugal: Porto Cidade, no prelo; SILVA, Germano, Porto - A Capela e Quinta do Bom Sucesso, Jornal de Notícias, 11 Maio 1997; Capela do Bom Sucesso reaberta há um ano in Diário do Minho, 8 Dezembro 2006.

Documentação Gráfica

Documentação Fotográfica

IHRU: DGEMN / DSID; IHRU: SIPA

Documentação Administrativa

Intervenção Realizada

2004 - Obras de recuparação integral da capela (telhado, paredes, portas, janelas e retábulo; recuperação da casa e adaptação a restaurante.

Observações

Autor e Data

Isabel Sereno / Miguel Leão 1994 / Ana Filipe 2010

Actualização

Paula Noé 1997
 
 
 
Termos e Condições de Utilização dos Conteúdos SIPA
 
 
Registo| Login