Igreja de São Romão

IPA.00004624
Portugal, Setúbal, Alcácer do Sal, Torrão
 
Arquitectura religiosa, revivalista. Templo de arquitectura revivalista do maneirismo de estilo chão, vernacular, do modernismo. Igreja moderna de revivência do maneirismo pelo imitação do projecto arquitectónico singelo, de raiz vernácula, de planta rectangular, tendencialmente austera, clareza de traçado, ordem; vãos rectangulares e verticais; espaço unificado de nave única. Vernacular com cobertura de 2 águas com sanca, pelo emprego de arquitectura chã, volume maciço caiado, uso da telha de meia cana, sanqueado, e beirado corrido. Igreja do modernismo pela tecnologia usada, na combinação do ferro com o cimento.
Número IPA Antigo: PT041501040022
 
Registo visualizado 448 vezes desde 27 Julho de 2011
 
   
   

Registo

 
Edifício e estrutura  Edifício  Religioso  Templo  Igreja  

Descrição

Planta longitudinal, regular,simplestendo adossado torre e baptistério; coincidência exterior - interior; massasimples disposta na horizontal. Cobertura homogénea em telhado de 2 águas com sanca, e coruchéu piramidal. Fachada principal a N. com embasamento, de 2 panos: TORRE com pano com porta simples moldurada, definido entre cunhais rematados por pináculos, no 1º registo; 2º registo, com a torre sineira, mais estreito, entre cunhais, com vão de arco pleno, remate de moldura com pináculos nos remates dos cunhais. TEMPLO de 1 pano entre cunhais com remate de pináculos, porta com moldura de cantaria e acesso por 2 degraus; sobreposição de fresta com cruz grega rasgada no pano; remate em empena angular simples com cruz em pequeno pedestal. Fachada posterior lisa, cega, rematada em empena angular simples com 3 pináculos, 2 sobre a sanca do telhado e 1 na intercepção das linhas do ângulo; Fachada O. com embasamento, de 1 pano e 1 registo, 4 janelas molduradas, com muro da cerca do cemitério na ortogonal; remate em cornija de coroamento e beiral. Fachada E. com fachada da torre de 2 panos definidos por beiral a meio do pano; pano cego, remate em beiral. Articulação exterior - interior desnivelada. INTERIOR: espaço diferenciado, em nave única, capela-mor e baptistério. Iluminação dada pelos vãos descritos; à entrada do lado direito, pequena pia de água benta em concha, antiga, em mármore, adossada à parede do frontispício; pé-direito liso com remate superior em moldura de coroamento simples, com silhar de azulejos de padrão azul e branco de albarradas, ocupando um terço da altura das paredes do templo; compartimento com portão de ferro forjado, com pia baptismal de planta quadrangular, com bacia de planta octogonal, com inscrição gótica no exterior; cobertura em tecto rebocado de 3 planos em caixotões. Arco triunfal de volta perfeito. Capela-mor com altar de mesa e na parede fundeira uma peanha sustentando o sacrário em talha dourada e pintada, flanqueado por 2 pequenas peanhas com as imagens de São Romão e de Nossa Senhora da Conceição. Pavimento em tijoleira. CEMITÉRIO com cerca em muro de alvenaria liso, com rebordo curvo, com portão de ferro forjado, encimado por cruz, com os batentes articulados em 2 pilastras toscanas, rematadas no topo por pináculos, em cantaria, adossadas ao muro.

Acessos

EM 543; São Romão do Sado

Protecção

Enquadramento

Rural, isolado, no alto de um monte,sobranceiro à povoação, com o cemitério adossado, e muro da cerca no seguimento da fachada principal.

Descrição Complementar

Utilização Inicial

Religiosa: igreja

Utilização Actual

Religiosa: igreja

Propriedade

Privada: Igreja Católica

Afectação

Época Construção

Séc. 20

Arquitecto / Construtor / Autor

Cronologia

1565 - Existência assinalada da igreja em terras da Ordem de Santiago, da herdade da Salema; 1577 - foi seu pároco frei Heitor da Silveira; 1665 - são deste ano os registos paroquiais mais antigos; 1675 - tendo a capela-mor as paredes em ruína, aconselhamento do Visitador para o capelão requerer ao rei a sua reparação e o levantamento de uma abóbada, devendo-se, para isso, derribar uma parede; 1872 - estava muito arruinada; 1967, 9 de Agosto - foi deitada abaixo e logo substituída por outra.

Dados Técnicos

Sistema estrutural de paredes portantes.

Materiais

Betão, alvenaria, ferro, vidro, madeira, tijoleira cerâmica, telha de meia cana.

Bibliografia

LOURO, Padre Henrique da Silva, Freguesias Curadas da Arquidiocese de Évora (Séculos XII a XX), Évora, 1974

Documentação Gráfica

IHRU: DGEMN/DSID

Documentação Fotográfica

IHRU: DGEMN/DSID

Documentação Administrativa

Intervenção Realizada

Paróquia do Torrão: 1998 - obras de conservação e limpeza geral.

Observações

Autor e Data

Albertina Belo 1998

Actualização

 
 
 
Termos e Condições de Utilização dos Conteúdos SIPA
 
 
Registo| Login