Palacete na Travessa dos Surradores

IPA.00004603
Portugal, Santarém, Santarém, União de Freguesias da cidade de Santarém
 
Arquitectura civil, renascentista, maneirista, barroca. Edifício de 2 pisos, lojas e sobrado, com lógia rasgada na fachada posterior, outrora circundada por zona ajardinada. Lógia de proporções renascentistas, com capitéis de sabor mudejar; guardas em ferro, em forma de colunelos, de feição ainda seiscentista; decoração dos interiores setecentista (silhares de azulejos, tecto em masseira pintado).
Número IPA Antigo: PT031416210090
 
Registo visualizado 370 vezes desde 27 Julho de 2011
 
   
   

Registo

 
Edifício e estrutura  Edifício  Residencial unifamiliar  Casa  Casa abastada  

Descrição

Planta composta por vários rectângulos adossados. Massas articuladas com coberturas diferenciadas em telhado de tesoura. Fachada principal virada a NO., conjugando panos de 2 registos, intercalados por um pano de 2 registos e um sótão, este rematado por beirado duplo; portas de diferentes vãos rectangulares moldurados rasgam o piso térreo, janelas de sacada com balcões em ferro, com grades em forma de colunelos e janelas de vão rectangular o piso superior. Na fachada posterior abre-se varanda alpendrada, com arcos em forma de asa de cesto apoiados sobre colunas de fuste cilíndrico, com capitéis com motivos vegetalistas e ábacos quadrados. Interior - o acesso faz-se através do portal, correspondente ao nº 26, que abre para átrio empedrado de onde parte escada de 2 lanços, com patamar intermédio de acesso às lojas e patamar superior de acesso ao piso sobradado e à varanda. Várias salas intercomunicantes alinham-se abrindo para as 2 fachadas, decoradas com silhares de padronagem polícroma pombalina e de final do séc. 18, salientando-se na sala virada a N. um silhar com painéis marmoreados; numa outra sala painéis pintados nas paredes; uma das salas viradas para a fachada posterior mostra um belo tecto em masseira pintado com marmoreados. A varanda é forrada com azulejos de enxaquetado duplo, em azul e branco, seiscentistas; as 3 portas de acesso têm molduras em quarto de círculo.

Acessos

Trav. dos Surradores, nºs 22, 24, 26 e 28

Protecção

Enquadramento

Urbano, planalto, flanqueado. Integrado na malha urbana do bairro da Mouraria, adapta a fachada principal ao traçado sinuoso da rua, deitando a fachada posterior para uma zona outrora ajardinada, circundada por muro com bancos incorporados, com bela panorâmica da cidade do lado SE.. O edifício integra uma varanda alpendrada (141612028).

Descrição Complementar

Utilização Inicial

Residencial: casa

Utilização Actual

Residencial: casa

Propriedade

Privada: pessoa singular

Afectação

Época Construção

Séc. 16 / 18

Arquitecto / Construtor / Autor

Cronologia

Séc. 16, 2ª metade - data provável de construção do primitivo edifício, de que resta a varanda alpendrada; séc. 17 - obras de reconstrução; séc. 18, 2ª metade - campanhas decorativas - silhares de azulejos, pintura mural, tecto em masseira; 1997, Julho - Ramiro Nogueira compra o edifício a José Maria da Silva Semião, Maria Adelaide da Silva Trincão e Joaquim César da Silva Semião.

Dados Técnicos

Paredes autoportantes

Materiais

Estrutura em alvenaria de pedra, rebocada e caiada, com cimalha em amarelo ocre; cobertura em telha cerâmica; molduras em cantaria, pavimentos em empedrado e madeira, tectos em madeira, revestimentos murários em azulejo.

Bibliografia

FEIO, A. Areosa, Santarém, princesa das nossas vilas, Santarém, 1929; SEQUEIRA, Gustavo de Matos, Inventário Artístico de Portugal, vol. 3, Lisboa, 1949; SERRÃO, Vítor, Santarém, Lisboa, 1990; CUSTÓDIO, Jorge, Palacete seiscentista da Rua dos Surradores in Património Monumental de Santarém, Santarém, 1997.

Documentação Gráfica

DGEMN: DSID

Documentação Fotográfica

DGEMN: DSID

Documentação Administrativa

Intervenção Realizada

Observações

Autor e Data

Isabel Mendonça 1997

Actualização

 
 
 
Termos e Condições de Utilização dos Conteúdos SIPA
 
 
Registo| Login