Igreja Paroquial de Corte do Pinto / Igreja de Nossa Senhora da Conceição

IPA.00004417
Portugal, Beja, Mértola, Corte do Pinto
 
Arquitectura religiosa, popular, vernácula. Igreja paroquial que corresponde a uma tipologia arreigada na arquitectura tradicional da região, sendo o elemento mais erudito o seu portal principal.
Número IPA Antigo: PT040209020015
 
Registo visualizado 186 vezes desde 27 Julho de 2011
 
   
   

Registo

 
Edifício e estrutura  Edifício  Religioso  Templo  Igreja paroquial  

Descrição

Planta longitudinal escalonada, composta por nave e capela-mor mais estreita, a que se adossam, do lado esquerdo, uma torre sineira, recuada, a sacristia, a capela lateral, as dependências anexas e o baptistério, e do lado direito, outra torre sineira. Volumes articulados. Cobertura diferenciada em telhado de duas águas na nave e nos anexos, em telhado de uma água na sacristia, em domo na capela-mor e em coruchéu na torre sineira anterior. Alçado principal orientado a O., de um pano rematado por empena triangular coroada por cruz de ferro. Portal de cantaria de verga recta adintelada com carranca e moldurações; grelha cerâmica. Torre sineira de dois pisos separados por moldura de argamassa que prolonga as impostas dos arcos de volta perfeita do olhal, com pináculos piramidais nos ângulos e coruchéu rematado por catavento. Alçado S. lateral com torre sineira de esquema idêntico ao do alçado principal mas rasgado por porta encimada por fresta e com mostrador de relógio no topo. Pano da nave cego, rematado por cornija e beirado; pano da capela-mor rasgado por fresta com grelha cerâmica. Alçado E. com capela-mor de um pano, cego, definido por cunhais, torre sineira de um único piso, rasgado por olhal em arco de volta perfeita encimado por pináculos piramidais ladeando coruchéu escalonado. Alçado N. de três panos definidos por pilastras, sendo o primeiro rasgado por uma porta e o terceiro por uma porta ladeada por três janelas. INTERIOR: de nave única coberta por abóbada abatida que arranca de cornija. Junto do portal, à direita de quem entra, pia de água benta de cantaria. Do lado da Epístola ergue-se um pequeno altar, seguido por outro altar facial, com retábulo de talha policromada. Do lado do Evangelho, junto à entrada, situa-se o baptistério; a meio da nave, eleva-se o púlpito com grade de madeira assente em mísula de alvenaria, seguido de um arco de volta perfeita, resguardado por cancela de madeira, de acesso a capela lateral, coberta por cúpula e com altar de alvenaria com três nichos. Acesso à capela-mor por arco triunfal de volta perfeita e degrau. Cobertura em cúpula irregular. Retábulo de alvenaria com três nichos. Do lado da Epístola rasga-se uma janela e do lado oposto abre-se a porta de acesso à sacristia.

Acessos

Largo D. José do Patrocínio, Bispo de Beja

Protecção

Inexistente

Enquadramento

Urbano, a meia-encosta, isolada, com adro murado.

Descrição Complementar

Utilização Inicial

Religiosa: igreja paroquial

Utilização Actual

Religiosa: igreja paroquial

Propriedade

Privada: Igreja Católica (Diocese de Beja)

Afectação

Sem afectação

Época Construção

Séc. 16 / 18

Arquitecto / Construtor / Autor

Cronologia

Séc. 16, finais - construção; séc. 18 - janela da frontaria.

Dados Técnicos

Estrutura mista

Materiais

Paredes de alvenaria de pedra e cal, rebocadas e caiadas, cobertura em telha lusa, portal e elementos secundários de cantaria, pavimento de tijoleira, retábulos de talha dourada e policromada.

Bibliografia

BOIÇA, Joaquim F. e BARROS, Maria de Fátima Rombouts de, As Terras, as Serras, os Rios. As Memórias Paroquiais de 1758 do Concelho de Mértola, Mértola, 1996; BOIÇA, Joaquim F., BARROS, Maria de Fátima Rombouts de, e GABRIEL, Celeste, As Comendas de Mértola e Alcaria Ruiva. As Visitaçoes e os Tombos da Ordem de Santiago, 1482 - 1607, Mértola, 1996.

Documentação Gráfica

IHRU: DGEMN/DSID

Documentação Fotográfica

IHRU: DGEMN/DSID

Documentação Administrativa

Intervenção Realizada

Observações

Autor e Data

José Falcão e Ricardo Pereira 1997

Actualização

 
 
 
Termos e Condições de Utilização dos Conteúdos SIPA
 
 
Registo| Login