Pelourinho de Vila da Ponte

IPA.00004293
Portugal, Viseu, Sernancelhe, Vila da Ponte
 
Pelourinho seiscentista, de pinha piramidal embolada, com soco octogonal, encimado por fuste octogonal e capitel simples, rematando em pinha, com bola e ostentando elementos heráldicos. Possui cruz de Cristo.
Número IPA Antigo: PT011818170004
 
Registo visualizado 107 vezes desde 27 Julho de 2011
 
   
   

Registo

 
Edifício e estrutura  Estrutura  Judicial  Pelourinho  Jurisdição régia  Tipo pinha

Descrição

Estrutura de granito, composta por soco octogonal de quatro degraus, com as faces planas e rectilíneas dispostas em simetria. Base da coluna com as esquinas chanfradas, cada um dos planos correspondendo às faces dos degraus. Fuste oitavado, tendo no topo outra peça que lhe completa a forma octogonal, que forma o capitel de igual secção e perímetro entre um anel rebordante, igualmente de oito faces concordantes. Moldura redonda e varinha. Entablamento de igual configuração composto por quatro molduras que sobressaem em ordem crescente à laia de cornija. Sobre esta modulação de afeiçoamento rectilíneo desenvolve-se um prisma liso de quatro faces e chanfros nos ângulos, do mesmo modo que o fuste e como prolongamento deste, com a metade superior talhada em pirâmide, em cujo vértice repousa uma esfera de pedra. Desta emerge a grimpa de ferro, com anel medial e uma Cruz de Cristo ao alto do espigão.

Acessos

EN 226 (Moimenta da Beira - Aguiar da Beira), ao Km 57, à esquerda, para Vila da Ponte; na artéria principal à direita para o Largo da Praça. WGS84 (graus decimais) lat.: 40,917312; long.: -7,509835

Protecção

Categoria: IIP - Imóvel de Interesse Público, Decreto n.º 23 122, DG, 1.ª série, n.º 231 de 11 outubro 1933

Enquadramento

Destacado, em superfície quase plana, isolado em praça, delimitado por edifícios, entre os quais a antiga cadeia e Casa Solarenga.

Descrição Complementar

Utilização Inicial

Judicial: pelourinho

Utilização Actual

Cultural e recreativa: marco histórico-cultural

Propriedade

Pública: estatal

Afectação

Autarquia local, Artº 3º, Dec. nº 23 122, 11 Outubro 1933

Época Construção

Séc. 17 / 18 (conjectural)

Arquitecto / Construtor / Autor

Desconhecido.

Cronologia

Séc. 17 - dado foral por D. Afonso VI; provável construção do pelourinho.

Dados Técnicos

Sistema estrutural autónomo.

Materiais

Estrutura em cantaria de granito; ferro.

Bibliografia

MALAFAIA, E. B. de Ataíde, Pelourinhos Portuguese, Tentâmen de Inventário Geral, Lisboa, 1997; SOUSA, Júlio Rocha e, Pelourinhos do Distrito de Viseu, Viseu, 1998; VALE, A. de Lucena, Beira Alta, vol. XX, 1969.

Documentação Gráfica

Documentação Fotográfica

IHRU: DGEMN/DSID

Documentação Administrativa

IHRU: DGEMN/DSID

Intervenção Realizada

Observações

Autor e Data

João Carvalho 1996

Actualização

 
 
 
Termos e Condições de Utilização dos Conteúdos SIPA
 
 
Registo| Login