Núcleo urbano de Santa Iria da Ribeira de Santarém / Ribeira de Santarém

IPA.00035693
Portugal, Santarém, Santarém, União de Freguesias da cidade de Santarém
 
Setor urbano. Área urbana com unidade morfológica. Bairro medieval ribeirinho sedimentado. Área urbana correspondente a uma povoação desenvolvida junto ao rio tejo de formação urbana linear, cujo principal eixo é paralelo à margem, em torno do qual se desenvolvem os quarteirões irregulares de cariz medieval. O núcleo urbano é definido pela sua localização estratégica ribeirinha e que funcionou sempre como a porta de entrada e saída de Santarém. O Bairro da Ribeira era predominantemente comercial e pescatório, previligiando o contacto e troca de bens e serviços entre Santarém, a capital e outras outras povoações ribeirinhas.
 
Registo visualizado 124 vezes desde 27 Julho de 2011
 
   
   

Registo

 
Conjunto urbano  Setor urbano  Unidade morfológica  Medieval  Arrabalde  

Descrição

O núcleo da Ribeira cresceu no sopé a NE. da colina onde está implantada a Vila Alta, na margem direita do Tejo. O bairro foi construído no arrabalde da cidade de Sanatarém e desenvolveu-se devido às actividades mercantis e de manufactura que eram produzidas nesta zona ribeirinha. Na origem do Bairro estiveram dois núcleos amuralhados distintos: Sesirigo e Mont'iraz, conecidos a partir do séc. 14 como Palhaes e Santa Iria, respectivamente, separados pela ribeira de Runes . O bairro da Ribeira era um arrabalde vital para a existência da Vila Alta e a sua ocupação data da mesma época da ocupação do morro.

Acessos

EN114; EN365; Estrada do Alfange; Rua dos Pescadores.

Protecção

Em vias de classificação

Enquadramento

Situado em margem fluvial, na unidade de paisagem do Vale do Tejo - Lezíria (v. IPA.00030190). O bairro da Ribeira de Santarém implanta-se na margem direita Tejo, à cota mais baixa e está localizado a N. do Bairro do Alfange. O núcleo fundacional da cidade de Santarém teve origem no ponto mais elevado, numa posição estratégica em relação ao rio, garantindo simultâneamente a sua defesa e acessibilidade. Os dois bairros do Alafange e da Ribeira desenvolveram-se devido à sua proximidade com o rio e com o caminho-de-ferro mas actualmente têm tido uma expansão urbana pouco significativa, condicionada pela sua implantação entre o rio e as encostas de declive acentuado.

Descrição Complementar

A Ribeira é um dos três aglomerados urbanos fundacionais da cidade de Santarém, em conjunto com o Planalto ou Vila Alta e o núcleo do Alfange. Estes três núcleos apresentam características morfológicas e geográficas distintas e sendo o núcleo da Vila Alta inteiramente dependente das actividades económicas dos núcleos da Ribeira e do Alfange. O núcleo do Planalto, chamado Vila Alta, estava implantado em duas colinas, separadas entre si pelo Vale de Alporão. O núcleo de Alfange era o porto da Vila, bairro piscatório ancestral na ocupação deste território, foi implantado num vale muito fechado entre o esporão da Alcáçova e o esporão do Pereiro e na época muçulmana era defendido por uma couraça conhecida por Castelo de Valada.

Utilização Inicial

Utilização Actual

Propriedade

Não aplicável

Afectação

Não aplicável

Época Construção

Arquitecto / Construtor / Autor

Cronologia

2012, 7 agosto - aprovação, pela câmara municipal de Santarém, do projeto de delimitação da Área de Reabilitação Urbana (ARU) da Ribeira de Santarém e Alfange (Aviso n.º 10612, DR n.º 152, 2.ª série); 2012, 22 novembro - abertura do procedimento de classificação e fixação de Zona Especial de Proteção provisória do Conjunto da Ribeira de Santarém , publicado no anúncio n.º 13748/2012, DR, 2.ª série , n.º 231, a 29 de Novembro de 2012; 2013, 28 janeiro - criação da União das Freguesias de Santarém (Marvila, São Nicolau e São Salvador) e Santa Iria da Ribeira de Santarém por agregação das mesmas, pela Lei n.º 11-A/2013, DR, 1.ª série, n.º 19.

Dados Técnicos

Materiais

Bibliografia

http://www.patrimoniocultural.pt/pt/patrimonio/patrimonio-imovel/pesquisa-do-patrimonio/classificado-ou-em-vias-de-classificacao/geral/view/17389841 [consultado em 11 janeiro 2017].

Documentação Gráfica

Documentação Fotográfica

Documentação Administrativa

DGPC: DGEMN:GSRP (PT DGEMN:GSRP-0131), (PT DGEMN:GSRP-0315), DGEMN:DSARH (PT DGEMN:DSARH-010/234-0236), (PT DGEMN:DSARH-005/234-3440/11)

Intervenção Realizada

Observações

EM ESTUDO

Autor e Data

Rita Vale 2017

Actualização

 
 
 
Termos e Condições de Utilização dos Conteúdos SIPA
 
 
Registo| Login