Padrão da Cruz Nova / Padrão de D. Sebastião

IPA.00003377
Portugal, Santarém, Tomar, União das freguesias de Tomar (São João Baptista) e Santa Maria dos Olivais
 
Padrão construído no séc. 16, assinalando uma obra de proteção da via de acesso a Tomar, sendo raros os elementos alusivos a melhoramentos nas vias neste período, constituindo, por isso, um importante testemunho de uma obra pública. Representa o típico padrão da época, em forma de obelisco, sobre simples plinto, tendo, na base, inscrição alusiva à sua construção. Tem claras semelhanças formais com o Padrão Filipino (v. IPA.00025458).
Número IPA Antigo: PT031418120025
 
Registo visualizado 94 vezes desde 27 Julho de 2011
 
   
   

Registo

 
Edifício e estrutura  Estrutura  Comemorativo  Monumento comemorativo  Monumento comemorativo  Tipo obelisco

Descrição

Estrutura em cantaria de calcário, composta por base de planta quadrangular, onde assenta um alto plinto paralelepipédico, tendo, na face virada a ocidente, inscrição latina, parcialmente picada e já bastante delida, onde assenta o obelisco. Este compõem-se por plinto paralelepipédico e o obelisco propriamente dito, ambos orlados por friso saliente, rematando em ábaco e elemento de remate.

Acessos

Tomar, Avenida do Condestável D. Nuno Álvares Pereira. WGS84 (graus decimais): lat.: 39,595058; long.: -8,407895

Protecção

Categoria: IIP - Imóvel de Interesse Público, Decreto n.º 42 692, DG, 1.ª série, n.º 276 de 30 novembro 1959

Enquadramento

Periurbano, isolado, implantado sobre uma muralha mandada executar no séc. 16, para proteger a zona das águas do rio Nabão, junto do qual se encontra. Está em zona plana, junto à rotunda da entrada sul de Tomar.

Descrição Complementar

Na FACE PRINCIPAL, a inscrição: "HOC EXORSVS / OPVS SVB PRIMO / REGE SEBASTO / PRAETOR AZEVEDVS CLAVSIT HO / NORE ABIEMS / ANNO A XPO / NATO 1567" (GUIMARÃES, 19) - Alcaide Azevedo, tendo dado principio a esta obra no reinado de D. Sebastião, 1.º terminou ao largar o seu cargo no ano do nascimento de Cristo 1567 (GUIMARÃES, 19).

Utilização Inicial

Comemorativa: monumento comemorativo

Utilização Actual

Comemorativa: monumento comemorativo

Propriedade

Pública: estatal

Afectação

Sem afetação

Época Construção

Séc. 16

Arquitecto / Construtor / Autor

Desconhecido.

Cronologia

1567 - construção do padrão por ordem do juiz do povo, de nome Azevedo, para glória real, conforme inscrição, a identificar a obra de construção da muralha que protegia a estrada das águas do rio; 1712 - o Padre Carvalho da Costa refere a Cruz Nova, nome dado ao padrão, com um letreiro cuja segunda linha está delida, constando na primeira "Hoc exorsus opus fuo primo Rege Sebasto; segundo a tradição a segunda linha foi picada, pois tinha o nome de um corregedor que exercia na altura em que foi construída (COSTA, 155); 1761, 31 outubro - verificam-se necessárias obras de conservação do padrão, que são ordenadas em sessão de Câmara (ROSA, V, 282-283).

Dados Técnicos

Sistema estrutural autónomo.

Materiais

Estrutura em cantaria de calcário; grimpa em ferro.

Bibliografia

BARBOSA, Ignácio de Vilhena - As Cidades e as Vilas da Monarquia Portuguesa que teem brasão d'Armas. Lisboa: Typographia do Panorama, 1862, vol. III; COSTA, Padre António Carvalho da - Corographia Portugueza e Descripçam Topografica do famoso Reyno de Portugal. Lisboa: Officina de Valentim da Costa Deslandes, 1712, vol. III; FRANÇA, José-Augusto - Tomar. Lisboa: Editorial Presença, 1994; GUIMARÃES, Vieira - Thomar Santa Iria. Lisboa: Livraria coelho, 1927; ROSA, Alberto de Sousa Amorim - Anais do Município de Tomar… Tomar: Câmara Municipal, 1969, vol. V.

Documentação Gráfica

Documentação Fotográfica

DGPC: DGEMN/DSID

Documentação Administrativa

PT DGEMN:DSARH-010/264-0162 [processo de classificação], PT DGEMN:DSID-001/014-005-2081/6 [processo de classificação], PT DGEMN:DSID-001/014-005-2081/7 [zona de proteção]

Intervenção Realizada

Nada a assinalar.

Observações

Autor e Data

Paula Figueiredo 2019

Actualização

 
 
 
Termos e Condições de Utilização dos Conteúdos SIPA
 
 
Registo| Login