Núcleo urbano da vila de Ponte da Barca

IPA.00027804
Portugal, Viana do Castelo, Ponte da Barca, União das freguesias de Ponte da Barca, Vila Nova de Muía e Paço Vedro de Magalhães
 
Núcleo urbano sede municipal. Vila situada em margem fluvial. Vila medieval de jurisdição régia.
Número IPA Antigo: PT011606160130
 
Registo visualizado 365 vezes desde 27 Julho de 2011
 
   
   

Registo

 
Conjunto urbano  Aglomerado urbano  Vila  Vila medieval  Vila medieval  Régia

Descrição

Acessos

EN101, Rua Heróis da Índia, Rua Joaquim Moreira de Barros

Protecção

Inclui Igreja Matriz de Ponte da Barca (v. PT011606160002) / Ponte sobre o Lima (PT011606160004) / Pelourinho de Ponte da Barca (v. PT011606160005) / PP - Plano de Pormenor (Reabilitação urbana de Ponte da Barca), Declaração de 19-09-90, DR, 2.ª série, n.º 249 de 27 de outubro 1990

Enquadramento

Implantado em margem fluvial. Localiza-se Entre Douro e Minho, na sub-região do Minho-Lima e pertence à unidade de paisagem do Vale do Lima. Localiza-se num vale na margem esquerda do rio na sub-região do Minho-Lima e pertence à unidade de paisagem do Vale do Lima. A paisagem envolvente tem um relevo acentuado de altitudes elevadas e encostas rasgadas por linhas de água. O município de Ponte da Barca está dividido em 17 freguesias e é delimitado a N. pelo município de Arcos de Valdevez, a E. por Espanha, a S. por Terras de Bouro e Vila Verde e a O. por Ponte de Lima.

Descrição Complementar

Não aplicável

Utilização Inicial

Não aplicável

Utilização Actual

Não aplicável

Propriedade

Não aplicável

Afectação

Não aplicável

Época Construção

Séc. 16 / 18 / 19 / 20

Arquitecto / Construtor / Autor

Cronologia

1220 - Inquirições de São Martinho de Paço Vedro referem a existência da povoação de Barca pertencendo ao julgado da Anóbrega, a denominação de Barca deriva do facto de ali existir uma barca de ligação entre as duas margens do rio Minho, ligando a freguesia de Paço Vedro e de Oleiros; séc. 14, meados - provável construção de uma ponte; 1386 - a povoação é conhecida por Ponte da Barca e, provavelmente, é sede da terra ou concelho da Nóbrega; 1386 - a povoação já era conhecida por Ponte da Barca e, provavelmente, já seria a sede da terra ou concelho da Nóbrega; Séc. 15 - João de Magalhães é o primeiro senhor de Ponte da Barca; 1513, 24 Outubro - concessão de foral por D. Manuel I; 1527, 27 Agosto - "Numeramento" de D. João II refere Ponte da Barca com 100 fogos; séc. 16 - construção à construção da ponte com dez arcos quebrados; 1706 - a terra é do rei e tem 250 vizinhos; 1758 - as memórias paroquiais referem D. João Luís Meneses como donatário da vila; 1996, 7 Novembro - inauguração da nova ponte entre Arcos de Valdevez e Ponte da Barca; 2013, 28 janeiro - criação da União das Freguesias de Ponte da Barca, Vila Nova de Muía e Paço Vedro de Magalhães, por agregação das mesmas, pela Lei n.º 11-A/2013, DR, 1.ª série, n.º 19.

Dados Técnicos

Não aplicável

Materiais

Não aplicável

Bibliografia

AZEVEDO, Carlos Moreira, JORGE, Ana Maria, RODRIGUES, Ana Maria, História Religiosa de Portugal, Rio de Mouro, Círculo de Leitores, SA, 2000, Volume 1; COSTA, Carvalho da, Corografia Portuguesa, Lisboa, 1706, Tomo I, p.234.

Documentação Gráfica

Documentação Fotográfica

IHRU: SIPA

Documentação Administrativa

DGARQ/TT: Memórias paroquiais, vol. 42, nº 334, p. 159

Intervenção Realizada

Observações

Autor e Data

Rita Vale 2012

Actualização

 
 
 
Termos e Condições de Utilização dos Conteúdos SIPA
 
 
Registo| Login