Cisterna da Covilhã

IPA.00002747
Portugal, Castelo Branco, Covilhã, União das freguesias de Covilhã e Canhoso
 
Cisterna medieval com a forma de uma ampla fonte de mergulho e acesso em arco de volta perfeita, assente em impostas salientes, com a zona inferior protegida por murete, possuindo o interior com cobertura em abóbada de berço e pavimento em lajeado de granito, tendo, no fundo, afloramento granítico, de onde sai a água através de caleira de cantaria até ao acesso.
Número IPA Antigo: PT020503170007
 
Registo visualizado 143 vezes desde 27 Julho de 2011
 
   
   

Registo

 
Edifício e estrutura  Estrutura  Hidráulica de contenção  Cisterna    

Descrição

Cisterna em cantaria de granito aparente, em aparelho isódomo, de planta rectangular simples, com face principal virada a SE., com acesso através de arco de volta perfeita, assente em impostas salientes, apresentando algumas pedras sigladas, tendo a zona inferior protegida por muro. Espaço interior homogéneo, em cantaria de granito aparente, de aparelho isódomo, formando dois tramos, divididos por arco de volta perfeita, assente em impostas salientes e pilares de cantaria, com cobertura em abóbada de berço e pavimento em lajeado de granito, tendo, no fundo, afloramento rochoso, de onde saía a água. A partir desta, sai uma levada de cantaria de granito de secção em U, assente em cubos, terminando numa bica. A estrutura está protegida por duas folhas metálicas.

Acessos

Rua Primeiro de Dezembro, n.º 8-10 (antiga Rua de Santa Maria). WGS84 (graus decimais) lat.: 40,280688; long.: -7,504973

Protecção

Categoria: IIP - Imóvel de Interesse Público, Decreto n.º 28/82, DR n.º 47 de 26 fevereiro 1982 *1

Enquadramento

Urbano, situado na área intra-muralhas do Centro Histórico da Covilhã (v. PT020503170019), numa zona desnivelada junto ao actual edifício da Câmara Municipal da Covilhã (v. PT020503200033) e o seu respectivo parque de estacionamento, adossado a outros edifícios, confinante com pequeno espaço ajardinado. Encontra-se junto e sob um edifício, actualmente em obras de recuperação, de planta rectangular simples, com cobertura homogénea em telhado de duas águas com duas mansardas, rasgadas por vãos rectilíneos, viradas à fachada principal. Esta encontra-se voltada a SE., rematada em beirada dupla, com três registos, o primeiro com três janelas de peitoril e caixilharias de madeira e porta de acesso, de lintel recto, com moldura biselada, protegido por uma folha de madeira, flanqueada por uma fresta; o segundo é rasgado por três janelas de peitoril e uma de sacada, todas rectilíneas e com guarda em ferro forjado; no extremo direito, janela de peitoril com moldura saliente. Fachada lateral esquerda adossada a edifício de habitação, tendo a oposta cega, com remate em empena. Fachada posterior adossada. O interior tem dois pisos e sotão com estrutura de pavimentos e coberturas em madeira.

Descrição Complementar

Utilização Inicial

Hidráulica: cisterna

Utilização Actual

Cultural e recreativa: marco histórico-cultural

Propriedade

Pública: municipal

Afectação

Sem afectação

Época Construção

Séc. 13 / 14 / 19 (conjectural)

Arquitecto / Construtor / Autor

Desconhecido.

Cronologia

Séc. 13 / 14 - hipotética construção da cisterna; séc. 16 - provável construção de edifício anexo; séc. 19 - provável remodelação do edifício; 1994 - a cisterna possuía o acesso fechado por portão em ferro forjado; 2008-2009 - obras de remodelação do edifício onde se integra a cisterna, com remoção do portão em ferro da entrada da mesma.

Dados Técnicos

Estrutura autónoma.

Materiais

Estrutura, pilares, arcos, caleira em cantaria de granito.

Bibliografia

Documentação Gráfica

Documentação Fotográfica

IHRU: SIPA, DGEMN/DSID

Documentação Administrativa

IHRU: DGEMN/DSID

Intervenção Realizada

PROPRIETÁRIO: 1990, c. - recuperação da cisterna; tratamento parcial das paredes exteriores; iluminação.

Observações

*1 - DOF: Edifício de interesse histórico existente dentro das muralhas do Castelo da Covilhã.

Autor e Data

Margarida Conceição 1994 / Paula Figueiredo 2009

Actualização

 
 
 
Termos e Condições de Utilização dos Conteúdos SIPA
 
 
Registo| Login