Capela de Nossa Senhora da Piedade

IPA.00002504
Portugal, Castelo Branco, Castelo Branco, Castelo Branco
 
Capela quinhentista e barroca, de planta composta por dois rectângulos justapostos; dois campanários simétricos adossados à fachada; sacristia de planta rectangular adossada à capela-mor. Portal em arco pleno com impostas salientes. Nave única e capela-mor com as paredes integralmente revestidas por painéis de azulejos figurativos joaninos. Cobertura: tecto tripartido de madeira. Arco triunfal de volta inteira revestido a talha dourada e policromada. Retábulo do altar-mor em talha dourada do barroco joanino. Está integralmente revestida de azulejo de composição figurativa- narrativa particularmente representativo não só da integração do revestimento azulejar no espaço arquitectónico, mas também da contribuição deste revestimento para a fisionomia desse espaço, através da representação de elementos arquitectónicos variados, ou de espaços em trompe l'oeil como os nichos em que se inserem as figuras dos apóstolos. Este revestimento constitui um dos mais importantes conjuntos azulejares joaninos da Beira-baixa. Campanários simétricos com abertura sineira em arco pleno delimitado por pilastras e rematado por frontão angular. Portal com pé-direito chanfrado e encimado por 5 vieiras.
Número IPA Antigo: PT020502050011
 
Registo visualizado 259 vezes desde 27 Julho de 2011
 
   
   

Registo

 
Edifício e estrutura  Edifício  Religioso  Templo  Capela / Ermida  

Descrição

Planta longitudinal composta por dois rectângulos justapostos; dois campanários simétricos adossados à fachada; sacristia de planta rectangular adossada à capela-mor. Disposição horizontalista das massas. Cobertura diferenciada a 2 águas. Fachada principal: orientada a NO.; 2 registos; pano único delimitado pelos corpos dos campanários; 1º registo: portal em arco pleno com impostas salientes e pé-direito chanfrado, encimada por 5 vieiras inscritas em moldura rectilínea; ladeado por vão entaipado de lintel recto e moldura chanfrada; 2º registo: janelão de lintel recto e moldura simples; empena recta com cornija; campanários com abertura sineira em arco pleno delimitado por pilastras e rematado por frontão angular. Sacristia: porta de lintel recto. Alçado NE.: porta de lintel recto e moldura simples; corpo da sacristia: 2 janelas idênticas; lanço de escadas de acesso ao campanário; empena recta sem cornija. Alçado SO.: janela de lintel recto e moldura simples e seteira com fendas horizontais na capela-mor; lanço de escadas de acesso ao campanário; empena recta sem cornija. Alçado SE.: cego; empena angular sem cornija. Interior: nave única sem iluminação directa e paredes integralmente revestidas por painéis de azulejos figurativos representando cenas da vida de Nª Sª, a Adoração dos Reis Magos, a última Ceia, os Apóstolos, Stº António e S. Francisco *1. Pavimento em madeira. Cobertura: tecto tripartido de madeira. Arco triunfal de volta inteira revestido a talha dourada e policromada, sobre o qual existe a data de 1617. Capela-mor com iluminação SO.; porta de acesso à sacristia; retábulo do altar-mor em talha dourada; pavimento lajeado; cobertura: tecto tripartido de madeira.

Acessos

Largo da Senhora da Piedade

Protecção

Categoria: IM - Interesse Municipal, Decreto n.º 28/82, DR n.º 47 de 26 fevereiro 1982

Enquadramento

Urbano; situa-se no sítio da antiga Devesa, local periférico relativamente ao núcleo muralhado; localiza-se em terreno plano e na zona central de pequeno largo delimitado por casas oitocentistas; adro delimitado por grade de ferro e com acesso através de lanço de degraus; proximidade de antigo quartel.

Descrição Complementar

AZULEJO: Revestimento integral de composição figurativa, em monocromia, azul em fundo branco. Na parte inferior da parede no lado da Epístola legenda com informações relativas à obra do azulejo, encomendada por Francisco Rafeiro, bem como à data da colocação: 1739. O revestimento das paredes organiza-se em dois registos: no registo inferior, cenas marianas: Nascimento da Virgem; Anunciação; Casamento da Virgem (Lado da Epístola); Visitação; Repouso durante a fuga para o Egipto (Parede du fundo ladeando a porta da entrada); Adoração dos pastores; Adoração dos magos, com quatro magos, simbolizando os quatro continentes; Coroação da Virgem (Lado do Evangelho); cercaduras com motivos ornamentais arquitectónicos. No registo superior, estão representados os doze apóstolos, cada um com o seu atributo; simulando figuras de vulto, em nichos em trompe l'oeil: lado da epístola: São Judas; São Tomé; São Mateus; São Filipe; São Paulo; paredo do fundo, ladeando a porta principal: São João; São Pedro; e uma representação da Última Ceia; lado do evangelho: Santo André, São Tiago; São Bartolomeu; São Simão; São Matias. Nas paredes colaterais do arco, painel representando santo António (lado do evangelho); painel representando São Francisco (lado da epístola). Capela-mor: Silhar de 14 azulejos de altura representando Nossa Senhora das Dores e Nossa Senhora Orando. Os painéis são enquadrados por motivos ornamentais arquitectónicos, pilastras e anjos atlantes.

Utilização Inicial

Religiosa: capela

Utilização Actual

Religiosa: capela

Propriedade

Privada: Igreja Católica (Diocese de Portalegre - Castelo Branco)

Afectação

Sem afectação

Época Construção

Séc. 16 (conjectural) / 18

Arquitecto / Construtor / Autor

Desconhecido.

Cronologia

Séc. 16 - hipotética construção da capela, pertencente à Ordem de Cristo e sob invocação de São Gregório; 1617 - edificação do arco triunfal ou respectiva decoração em talha policromada; 1736 - reconstrução da capela; colocação dos painéis azulejares e da talha dourada; 1753 - documentada a invocação de Nª Sª da Piedade, adquirida talvez devido ao facto de integrar a imagem do Senhor da Piedade proveniente da Capela do Senhor da Azinha; Possuia alpendre assente em 6 arcos de cantaria; séc. 20, 2º quartel - obras de remodelação.

Dados Técnicos

Paredes autoportantes.

Materiais

Granito, cantaria e alvenaria, revestimento inexistente e reboco; madeira; azulejo; telha de aba e canudo.

Bibliografia

ALMEIDA, José António Ferreira de, dir., Tesouros Artísticos de Portugal, Lisboa, 1980; Capela da Senhora da Piedade vai ficar como nova, in Gazeta do Interior, 21 Fevereiro 2007; COSTA, António Carvalho da, Corographia Portugueza, Lisboa, 1706 / 1712; DIONÍSIO, Sant'Ana, Guia de Portugal, Lisboa, 1984; LEITE, Cristina, Castelo Branco, Lisboa, 1991; Mapa de Arquitectura de Castelo Branco, Castelo Branco, 2003; Primeiras Jornadas Arqueológicas da Beira Baixa, Memorial Histórico-Artístico e Monumental dos Concelhos de Castelo Branco, Belmonte, Idanha-a-Nova e Penamacor, Castelo Branco, 1979; ROXO, António, Monographia de Castello Branco, Elvas, 1891; SALVADO, António, Elementos para um Inventário Artístico do Distrito de Castelo Branco, Castelo Branco, 1976; SANTOS, Manuel Tavares dos, Monumentos de Castelo Branco - Capelas e Cruzeiros in Beira Baixa, Castelo Branco, 1953, nºs 817 e 827; SANTOS, Manuel Tavares dos, Castelo Branco na História e na Arte, Castelo Branco, 1958; SILVA, Joaquim Augusto Porfírio da, Memorial Chronologico e Descriptivo da Cidade de Castelo Branco, Lisboa, 1853; SILVEIRA, António, AZEVEDO, Leonel e D'OLIVEIRA, Pedro Quintela, O Programa POLIS em Castelo Branco - álbum histórico, Castelo Branco, 2003; http://www.patrimoniocultural.pt/pt/patrimonio/patrimonio-imovel/pesquisa-do-patrimonio/classificado-ou-em-vias-de-classificacao/geral/view/71600 [consultado em 26 setembro 2016].

Documentação Gráfica

Documentação Fotográfica

IHRU: DGEMN/DSID

Documentação Administrativa

IHRU: DGEMN/DSID

Intervenção Realizada

1189 / 1890 - obras de remodelação; 1919 - intervenção no imóvel; Junta de Freguesia: 1989 - obras de reparação e substituição de rebocos; Proprietário / IPPAR: 2007 - conservação do tecto da capela-mor, em estuque relevado; restauro do guarda-vento; obras realizadas pelo Atelier Samthiago, de Viana do Castelo.

Observações

*1 Apresentam a seguinte legenda: Esta obra a azulejo e avimento se fez com o dinheiro do doutor Francisco Rafeiro. Pede-se um padre nosso e uma ave maria.

Autor e Data

Margarida Conceição 1994 / Paula Correia 2006

Actualização

 
 
 
Termos e Condições de Utilização dos Conteúdos SIPA
 
 
Registo| Login