Pelourinho do Burgo

IPA.00002387
Portugal, Aveiro, Arouca, União das freguesias de Arouca e Burgo
 
Pelourinho de bola, com soco quadrangular de três degraus, fuste cilíndrico com capitel simples e remate esférico.
Número IPA Antigo: PT010104040005
 
Registo visualizado 296 vezes desde 27 Julho de 2011
 
   
   

Registo

 
Edifício e estrutura  Estrutura  Judicial  Pelourinho  Jurisdição monástica  Tipo bola

Descrição

Fragmentos de pelourinho, em cantaria de granito, composta por soco quadrangular de três degraus, com fuste cilíndrico, com capitel simples e tabuleiro, de onde arranca o remate em bola.

Acessos

Casa do Burgo, EN224. WGS84 (graus decimais) lat.: 40,927499, long.: -8,267588

Protecção

Categoria: IIP - Imóvel de Interesse Público, Decreto nº 23 122, DG, 1ª Série, nº 231 de 11 outubro 1933

Enquadramento

Rural. Encontra-se depositado numa eira em quinta particular.

Descrição Complementar

Utilização Inicial

Judicial: pelourinho

Utilização Actual

Cultural e recreativa: marco histórico-cultural

Propriedade

Privada: pessoa singular

Afectação

Sem afectação

Época Construção

Séc. 16 (conjectural)

Arquitecto / Construtor / Autor

Desconhecido.

Cronologia

1363 - foral do antigo concelho de Vila Meã do Burgo ou Burgo Novo de Arouca, segundo documenta a carta de outorga de D. Mafalda; séc. 16, inícios - provável construção do pelourinho; 1758, Maio - nas Memórias Paroquiais, assinadas pelo pároco José Soares de Albergaria e Albuquerque, é referido que a povoação, com 222 vizinhos, é da Madre Abadessa do Mosteiro de Arouca; tem juiz ordinário, vereador, procurador do concelho, cujas pautas de nomeação são apresentadas à Madre Abadessa, que escolhe os eleitos, para cargos trienais; 1867 - data da extinção do concelho; séc. 20, inícios - com o alargamento da EN 326, o imóvel foi retirado do seu primitivo local; 1970 - Junta de Freguesia pediu à DGEMN a sua reconstrução no primitivo local, defronte à capela do Burgo; 1987 - a Câmara Municipal de Arouca (GTL) organizou um projecto de reconstrução e recolocação que foi indeferido pela JAE.

Dados Técnicos

Estrutura autoportante.

Materiais

Estrutura em cantaria de granito.

Bibliografia

GONÇALVES, Nogueira, Inventário Artístico de Portugal. Distrito de Aveiro, Vol. XI, Lisboa, 1991, pp. 76 e 81; JÚNIOR, Manuel Simão, Couto de Arouca. Um foral inédito dado ao burgo de Vila Meã, Arquivo do Distrito de Aveiro, XVI, 1950, pp. 39 - 53; MALAFAIA, E.B. de Ataíde, Pelourinhos Portugueses - tentâmen de inventário geral, Lisboa, Imprensa Nacional - Casa da Moeda, 1997, p. 456; http://www.patrimoniocultural.pt/pt/patrimonio/patrimonio-imovel/pesquisa-do-patrimonio/classificado-ou-em-vias-de-classificacao/geral/view/73085 [consultado em 14 outubro 2016].

Documentação Gráfica

Documentação Fotográfica

IHRU: DGEMN/DSID, DGEMN/DREMC

Documentação Administrativa

IHRU: DGEMN/DREMC; IPPC; DGARQ/TT: Memórias Paroquiais (vol. 7, n.º 95, fl. 1343-1352)

Intervenção Realizada

Nada a assinalar.

Observações

*1 - existe uma reconstituição conjectural do pelourinho do Burgo da autoria de Beato de Oliveira (Simão Júnior, Couto de Arouca...).

Autor e Data

Margarida Alçada 1983 / Carlos Ruão 1996

Actualização

 
 
 
Termos e Condições de Utilização dos Conteúdos SIPA
 
 
Registo| Login