Dispensário de Alcântara / Dispensário Rainha D. Amélia

IPA.00023291
Portugal, Lisboa, Lisboa, Estrela
 
Arquitectura de saúde, do séc. 20. Dispensário para crianças de planta rectangular, vazada ao centro por pátio, igualmente de planta rectangular, à volta do qual se dispõem quatro corpos, correspondentes a quatro alas. Pátio coberto por telhado, rasgado por claraboia. Coberturas diferenciadas em telhados de 3 e 4 águas. Fachada principal rebocada e pintada, de fenestração regular, enquadrada por embasamento de cantaria e rematada por moldura saliente, seguida de platibanda entre os frontões elevados que surgem a marcar os corpos laterais e a entrada principal, rasgada a eixo da frontaria.
Número IPA Antigo: PT031106261105
 
Registo visualizado 865 vezes desde 27 Julho de 2011
 
   
   

Registo

 
Edifício e estrutura  Edifício  Saúde  Dispensário  Dispensário do Instituto de Assistência Nacional aos Tuberculosos (IANT)  

Descrição

Acessos

Avenida Infante Santo; Rua Tenente Valadim. WGS84 (graus decimais): lat. 38,704326; long. -9,168469

Protecção

Categoria: MIM - Monumento de Interesse Municipal, Edital n.º 62/2017, BM nº 1221 de 13 Julho 2017 / Incluído na Zona Especial de Proteção do Palácio das Necessidades (v. IPA.00006541)

Enquadramento

Urbano. Implantado em terreno de configuração rectangular, formando gaveto a SE. Fachada principal (E.) e lateral S. à face da via pública, e alçado N. oculto por edifícios de habitação que desenham a frente urbana da Rua do Sacramento a Alcântara. A S. alto muro de suporte, na continuidade da fachada, vencendo a diferença de cota entre o terreno do antigo dispensário e o troço S. da R. Tenente Valadim. Confronta a O. com o Convento do Santíssimo Sacramento (v. PT031106260445 ). A frontaria acompanha, na sua quase totalidade, o troço E. da R. Tenente Valadim, em declive e paralelo à guarda do viaduto da Avenida Infante Santo. Conta com espaços de logradouro a N. e a S.

Descrição Complementar

Utilização Inicial

Saúde: dispensário do Instituto de Assistência Nacional aos Tuberculosos (IANT)

Utilização Actual

Devoluto

Propriedade

Pública: estatal

Afectação

Sem afetação

Época Construção

Séc. 20

Arquitecto / Construtor / Autor

Cronologia

1949 - iniciam-se as obras de abertura do Viaduto da Avenida Infante Santo, suprimindo-se parte da Rua Tenente Valadim que, em frente ao Dispensário se apresentava bastante larga; 2006 - o edifício principal encontra-se devoluto, mantendo-se as Irmãs Missionárias no edifício anexo, localizado no limite O. da propriedade; esta congregação religiosa, que durante décadas desenvolveu actividade educativa e assistencial no dispensário, continua a prestar cuidados nesta última área, funcionando na propriedade do antigo dispensário um "Banco alimentar", grarantindo assim distribuição de alimentos à população carenciada da zona de Alcântara.

Dados Técnicos

Materiais

Bibliografia

Documentação Gráfica

DGPC: DGEMN/DSID, DGEMN/DRELisboa/DRC

Documentação Fotográfica

CML: Arquivo Fotográfico, PT/AMLSB/AF/PAG/000282 (?), PT/AMLSB/AF/EDP/S00949 (1939), PT/AMLSB/AF/JBN004157 (c. 1949), PT/AMLSB/AF/SER/S00003 (1949), PT/AMLSB/AF/EDP000979 (1950). DGEMN: DSID

Documentação Administrativa

Intervenção Realizada

Observações

Autor e Data

Filomena Bandeira 2006

Actualização

 
 
 
Termos e Condições de Utilização dos Conteúdos SIPA
 
 
Registo| Login