Cemitério de Peroguarda

IPA.00017004
Portugal, Beja, Ferreira do Alentejo, União das freguesias de Alfundão e Peroguarda
 
Arquitectura funerária, popular, vernácula. Cemitério onde está patente a grande simplicidade das soluções tradicionais da arquitectura popular da região, com destaque pela pureza dos volumes caiados, revelando no portão uma maior elaboração, onde são visíveis apropriações de elementos do tardobarroco no frontão polilobado e nas urnas.
Número IPA Antigo: PT040208050014
 
Registo visualizado 321 vezes desde 27 Julho de 2011
 
   
   

Registo

 
Conjunto arquitetónico  Edifício e estrutura  Funerário  Cemitério    

Descrição

Recinto de planta rectangular, cujo lado maior se desenvolve paralelamente à estrada e em cujo centro se abre o portal de entrada que dá acesso a uma rua no topo da qual se eleva uma capela, abrindo-se de cada lado várias ruas com um jazigo do lado esquerdo e quatro do lado direita. É cercado por um muro com c. de 2m de altura, rasgado por um portão de verga curva, com moldura de cantaria e chave saliente, enquadrado por pilastras caiadas de cinza claro, encimadas por urnas de argamassa de secção quadrada, assentes em plintos e decoradas com folhas de acanto relevadas; enquadram frontão polilobado contornado por molduração de argamassa relevada e caiada a cinza claro que forma duas largas volutas na base e encimado por cruz latina de ferro forjado; gradeamento de ferro forjado com bandeira fixa preenchida por composição semicircular tendo ao centro o cronograma "1865" encimado por uma caveira e duas tíbias cruzadas, em chapa recortada. Capela de planta longitudinal, simples, regular; massa disposta na vertical, com cobertura inclinada, com revestimento de tijoleira acompanhando o extradorso da abóbada; alçado principal orientado a S. rasgado por arco de volta perfeita, que arranca de cornijas e rematado superiormente por empena de curvas invertidas, sobrepujada por cruz latina de ferro forjado assente em calvário de argamassa que se eleva sobre cornija; alçado O. cego, tendo no ângulo direito adossado um contraforte e remate superior com rebordo de tijoleiras. Alçado N. cego, rematado por empena curva. Alçado E. de esquema idêntico ao alçado O. Interior coberto por abóbada de berço que arranca de cornija, tendo adossada na parede fundeira uma mesa de altar em forma de urna.

Acessos

EN 387, a 142m a O.da povoação.

Protecção

Inexistente

Enquadramento

Peri-urbano, isolado, num campo plano, cultivado; junto a estrada, a c. de 500m da povoação, precedido de um parque de estacionamento asfaltado.

Descrição Complementar

Utilização Inicial

Funerária: cemitério

Utilização Actual

Funerária: cemitério

Propriedade

Pública: Municipal

Afectação

Sem afectação

Época Construção

Séc. 19

Arquitecto / Construtor / Autor

Desconhecido

Cronologia

1865 - construção do cemitério.

Dados Técnicos

Estrutura autoportante

Materiais

Alvenaria de pedra e cal rebocada e caiada, coberturas revestidas de tijoleira, gradeamentos de ferro forjado.

Bibliografia

Documentação Gráfica

IHRU: DGEMN/DSID

Documentação Fotográfica

IHRU: DGEMN/DSID

Documentação Administrativa

Intervenção Realizada

Observações

Autor e Data

Ricardo Pereira 2000

Actualização

 
 
 
Termos e Condições de Utilização dos Conteúdos SIPA
 
 
Registo| Login