Cruzeiro do Senhor das Ânsias

IPA.00001682
Portugal, Braga, Braga, Braga (São Vicente)
 
Arquitectura religiosa, setecentista. Cruzeiro de caminho setecentista, com coluna de fuste cilíndrico sobre plinto prismático, capitel cúbico e Cristo na cruz e alpendre de planta triangular com arcos trilobados sobre colunas coríntias.
Número IPA Antigo: PT010303490084
 
Registo visualizado 138 vezes desde 27 Julho de 2011
 
   
   

Registo

 
Edifício e estrutura  Estrutura  Religioso  Cruzeiro  Cruzeiro de caminho  Tipo alpendrado com coluna e cruz

Descrição

Embasamento constituído por dois degraus, baixos, de forma hexagonal, resultante de uma forma triangular com os vértices cortados. No centro, sobre um plinto de forma prismática, moldurado, levanta-se uma coluna com fuste cilíndrico liso e capitel cúbico que suporta uma cruz onde está pregado, com três cravos em ferro, um nos pés sobrepostos e dois nas mãos com os dedos indicador e médio apontados, um Cristo com coroa de espinhos. O cruzeiro possui um alpendre constituído por três colunas coríntias, que assentam em plintos prismáticos, e estes, por sua vez, sobre um soco. A cobertura, em telhado de três águas, assenta sobre arquitraves com arco trilobado. O tecto está estucado e pintado de amarelo claro. A coluna frontal da direita tem um gato em ferro a unir a base ao fuste e o plinto tem um rasgo e buracos, marcas da caixa das esmolas que terá estado ali. O fuste do cruzeiro possui restos de um ferro com cadeado de suportar a candeia.

Acessos

Largo de Ínfias

Protecção

Enquadramento

Urbano, isolado no centro de um largo definido pela encruzilhada de diversas ruas da cidade. Encontra-se numa plataforma circular, num espaço relvado e ajardinado.

Descrição Complementar

Utilização Inicial

Religiosa: cruzeiro

Utilização Actual

Religiosa: cruzeiro

Propriedade

Pública: municipal

Afectação

Época Construção

Séc. 18

Arquitecto / Construtor / Autor

Cronologia

Séc. 18 - Época provável da sua construção.

Dados Técnicos

Estrutura autónoma (alpendre) e autoportante (cruzeiro).

Materiais

Estrutura granítica; tecto de cimento e estuque; cravos do crucificado, caixa das esmolas e restos do cadeado e do suporte da candeia em ferro.

Bibliografia

MENDES, Fernando, Guia de Braga Turístico e Histórico, Braga, 1993, p. 94.

Documentação Gráfica

Documentação Fotográfica

DGEMN: DSID

Documentação Administrativa

Intervenção Realizada

Observações

A cruz tem vestígios de ter estado pintada de vermelho.

Autor e Data

João Santos / António Dinis 1996

Actualização

 
 
 
Termos e Condições de Utilização dos Conteúdos SIPA
 
 
Registo| Login