Fonte Mourisca

IPA.00014414
Portugal, Lisboa, Sintra, União das freguesias de Sintra (Santa Maria e São Miguel, São Martinho e São Pedro de Penaferrim)
 
Arquitectura infraestrutural, revivalista e ecléctica. Fonte integrada estrutura de planta rectangular, com galeria porticada, cujo tratamento plástico dos respectivos elementos arquitectónicos e decorativos são de um gosto revivalista, já tardio, marcadamente neoárabe e neomudéjar.
Número IPA Antigo: PT031111110108
 
Registo visualizado 540 vezes desde 27 Julho de 2011
 
   
   

Registo

 
Edifício e estrutura  Estrutura  Hidráulica de elevação, extração e distribuição  Chafariz / Fonte  Chafariz / Fonte  Tipo nicho

Descrição

Fonte integrada em galeria porticada definida por estrutura de planta rectangular com volumetria paralelepipédica, de dominante horizontal, com cobertura em terraço. Remate por merlões escalonados sobre modilhões. Frontaria revestida a azulejos de padrão, enquadrada por moldura de decoração vegetalista, suportada por colunas de fuste liso e capitéis decorados por acantos. Embebido na caixa murária amplo arco em ferradura e apontado, rendilhado, onde se abre galeria com tripla arcaria em ferradura, com renda, assente em colunas sobre plintos paralelepipédicos, sendo o arco central encimado pela pedra de armas da vila. INTERIOR da galeria, de planta em semicírculo e cobertura em abóbada de concha, revestida a tijolo, revestido a azulejos que simulam a técnica da corda seca, tendo, ao centro, tanque oval em cantaria, com bordo concheado, adossado a superfície murária, com bica em cantaria, superiormente delimitada por banda horizontal destacada em cantaria suportada por mísulas, acima da qual se observa preenchimento da cobertura com tijolo.

Acessos

Volta do Duche. WGS84 (graus decimais) lat.: 38,796421; long.: -9,387728

Protecção

Incluído na Área Protegida de Sintra - Cascais (v. PT031111050264)

Enquadramento

Urbano, destacado, integrando a malha urbana da denominada Vila Velha. Implanta-se à face da via pública, interrompendo o muro de sustentação e delimitação do Parque das Merendas, localizada na proximidade do Palácio Valenças (v. PT031111110072).

Descrição Complementar

Utilização Inicial

Hidráulica: chafariz

Utilização Actual

Hidráulica: chafariz

Propriedade

Pública: municipal

Afectação

Sem afectação

Época Construção

Séc. 20

Arquitecto / Construtor / Autor

ESCULTOR: José da Fonseca (1920).

Cronologia

1848 - o Dr. Bernanrdino Egídio da Silveira e Castro cria no local um estabelecimento de banhos público de água fria, dando origem à toponímia do local, a denominada "Volta do Duche"; 1920 - por iniciativa do vereador da Câmara de Sintra, Jerónimo Inácio Sintra, é construída a fonte no extremo da Volta do Duche, sendo encarregue da sua construção o escultor de Coimbra, José da Fonseca *1; 1960, Julho - a fonte é desmantelada, sendo as suas componentes armazenadas, devido às obras de alargamento da Volta do Duche; 1981 - a fonte é reconstruída não muito longe da sua localização original.

Dados Técnicos

Paredes autoportantes.

Materiais

Alvenaria mista, reboco pintado, cantaria de calcário, estuque, azulejos.

Bibliografia

AZEVEDO, José Alfredo da Costa, Vila Velha. Ronda pelo Passado, Sintra, 1978; SERRÃO, Vítor, Sintra, Lisboa, 1989; RIBEIRO, José Cardim, (coord. de), Sintra. Património da Humanidade, Sintra, 1996.

Documentação Gráfica

Documentação Fotográfica

IHRU: DGEMN/DSID; AHMS: Caixa 25, n.º 1.857, Caixa 170, n.º 13.690 e 13.750

Documentação Administrativa

Intervenção Realizada

CMS: 1981 - montagem da fonte na sua actual localização, procedendo-se a uma campanha de obras de conservação e limpeza de cantarias e azulejos.

Observações

*1 - foi discípulo de António Augusto Gonçalves, e trabalhou no Palace Hotel do Buçaco (v. PT020111040001) e para o Dr. Carvalho Monteiro, na Quinta da Regaleira (v. PT031111110078).

Autor e Data

Teresa Vale, Maria Ferreira e Sandra Costa 2000

Actualização

 
 
 
Termos e Condições de Utilização dos Conteúdos SIPA
 
 
Registo| Login