Igreja da Santa Casa da Misericórdia de Mexilhoeira Grande

IPA.00010509
Portugal, Faro, Portimão, Mexilhoeira Grande
 
Arquitectura religiosa quinhentista. Igreja de misericórdia com fachada de dois panos e nave única.
Número IPA Antigo: PT050811020022
 
Registo visualizado 321 vezes desde 27 Julho de 2011
 
   
   

Registo

 
Edifício e estrutura  Edifício  Religioso  Templo  Igreja de Confraria / Irmandade  Misericórdia

Descrição

Planta longitudinal de nave única, capela-mor e sacristia; massas dispostas na horizontal; cobertura homogénea em telhado de duas águas para nave, capela-mor e sacristia. Fachada principal a S. de dois panos, sendo o primeiro de dois registos definidos por: inferior, por portal de cantaria de volta perfeita, e acesso por três degraus; o segundo, por janelão rectangular encimado por coroa real sem escudo, e remate em empena com dois pináculos nos topos, e no vértice, uma cruz de ferro sobre pedestal de mármore; o segundo pano, a sineira de vão único, com sino e remate por três pináculos. Fachadas laterais, rematadas em beirado, de pano único, sendo a E. aberta por três vãos, dando acesso dois deles à sacristia e o outro à sineira, e a O. adossada às dependências da Santa Casa da Misericórdia. Fachada N., correspondendo à capela- mor, cega, adossada a edifícios. INTERIOR: cobertura de masseira para nave rectangular e capela-mor. Iluminada por janelão sobre portal. Do lado do Evangelho e do da Epístola, várias bandeiras da instituição e paineis sobre tela com pinturas de cenas da vida de Cristo. Separando a nave da capela-mor, uma teia de madeira achatada e degrau em alvenaria. Capela-mor: simples, com frontão de altar em madeira pintada e sobre ele uma imagem de Santa Isabel; sobrepondo-lhe, arco de volta perfeita em alvenaria decorado por pequeno ornato no cimo, que prepara o conjunto do camarim de madeira, embebido na parede, com crucifixo ao alto e decorado por festão pintado sobre escaiola. O acesso à sacristia faz-se por uma porta do lado direito da capela-mor e o acesso ao camarim por porta do lado esquerdo.

Acessos

Rua da Misericórdia

Protecção

Inexistente

Enquadramento

Urbano, meia encosta, adossado a quarteirão harmónico, de casas térreas, e às dependências da Santa Casa da Misericórdia do lado esquerdo.

Descrição Complementar

Utilização Inicial

Religiosa: igreja de confraria / irmandade

Utilização Actual

Religiosa: igreja de confraria / irmandade

Propriedade

Privada: Misericórdia

Afectação

Sem afectação

Época Construção

Séc. 16 / 17 / 19 / 20

Arquitecto / Construtor / Autor

Desconhecido

Cronologia

Séc. 16 / 17 - fundação da Misericórdia; 1631 - pequenos reparos feitos na igreja; 1827 - colocação da janela sobre portal principal; séc. 19, 2ª metade - remodelação total do edifício; 1920 - destruição do escudo real por um raio que se fez abater sobre a fachada principal.

Dados Técnicos

Materiais

Madeira em portas, janela, tecto, balaústre, camarim, crucifixo e frontão de altar, alvenaria, cantaria, telha

Bibliografia

PINTO, Maria Helena Mendes, As Misericórdias do Algarve, Lisboa, 1968.

Documentação Gráfica

IHRU: DGEMN / DSID

Documentação Fotográfica

IHRU: DGEMN / DSID

Documentação Administrativa

IHRU: DGEMN / DSARH

Intervenção Realizada

1999 - arranjo do tecto

Observações

Autor e Data

Patrícia Viegas 2000

Actualização

 
 
 
Termos e Condições de Utilização dos Conteúdos SIPA
 
 
Registo| Login