Casa e Capela de Prazias

IPA.00003761
Portugal, Viseu, Vouzela, Ventosa
 
Arquitectura religiosa, maneirista e barroca. Solar de raiz maneirista, com elementos barrocos. Capela particular integrada em solar rural de raíz maneirista com acrescentos barrocos, de linhas arquitectónicas simples, com portal de frontão curvilíneo de aletas ladeadas de pináculos esferóides, encimados por taças florais, e iluminada por óculo quadrilobado.
Número IPA Antigo: PT021824110005
 
Registo visualizado 139 vezes desde 27 Julho de 2011
 
   
   

Registo

 
Edifício e estrutura  Edifício  Residencial senhorial  Casa nobre  Casa nobre  

Descrição

Planta centralizada, simples, quadrangular regular, adossada a Sacristia rectangular a S., mais curta. Massa simples horizontalista, coberta por telhado único a 2 águas. Fachada principal a E., constituída por portal de moldura boleada em arco recto, encimado por frontão de aletas rematadas lateralmente por pináculos de urna com cálices vegetalistas sobre mísulas, e rematado por cornija curva com grande cruz de pedra no topo sobre supedâneo de volutas. À direita do portal óculo de moldura quadrilobada e à esquerda porta de moldura rectangular boleada. Fachadas N., O. e S. adossadas às dependências habitacionais do Solar, cuja fachada E. surge no prolongamento da Capela sem separador. Interior: nave única; na parede E. rasga-se porta rectangular e óculo quadrilobado; na parede N. porta rectangular da Sacristia; a S. porta rectangular de acesso à sala de entrada do Solar e 1 pia de água benta; a O. altar-mor de urna, com retábulo rococó de talha marmoreada azul e dourada, com pilastras e painéis com elementos vegetalistas, florões, volutas estilizadas de talhe auricular e uma cortina fingida que enquadra um Calvário. Pavimento lajeado e tecto de maceira apainelado, pintado de branco realçado de dourado. Na Sacristia um arcaz, pavimento de tijoleira e tecto de madeira.

Acessos

EM entre Corujeira e Silvite, caminho à esquerda coberto por latada

Protecção

Categoria: IIP - Imóvel de Interesse Público, Decreto n.º 34 452, DG, 1.ª série, n.º 59 de 20 março 1945 (capela)

Enquadramento

Rural, em quinta com exploração agrícola e vinhas a N., em meia encosta, circundada por jardim com árvores de grande porte (palmeiras, cedros, árvores de fruto). Integrada no Solar de Prazias, antecedida de pátio lajeado quadrangular, com fonte a S. e acesso por larga escadaria com patamares a N..

Descrição Complementar

Utilização Inicial

Residencial: casa nobre

Utilização Actual

Residencial: casa

Propriedade

Privada: pessoa colectiva

Afectação

Sem afectação

Época Construção

Séc. 17 / 18

Arquitecto / Construtor / Autor

Desconhecido.

Cronologia

1300 - já existia o sítio de Prazias, muito provavelmente com uma casa senhorial; Séc. 17 / 18 - balizas cronológicas da edificação do actual núcleo habitacional do solar e respectiva capela; séc. 19 - a Capela do Solar da Quinta de Prazias era dotada de capelania, isto é, possuía capelão próprio, com residência e funções permanentes.

Dados Técnicos

Paredes autoportantes.

Materiais

Caixa murária, molduras e cantarias de alvenaria granítica de talhe regular. Pavimentos de lajes graníticas e tijoleira. Cobertura exterior de telha. Tectos de madeira

Bibliografia

CD Portugal Século XXI - Distrito de Viseu, CD II, Matosinhos, 2001; http://www.patrimoniocultural.pt/pt/patrimonio/patrimonio-imovel/pesquisa-do-patrimonio/classificado-ou-em-vias-de-classificacao/geral/view/73831 [consultado em 4 janeiro 2017].

Documentação Gráfica

CMV

Documentação Fotográfica

IHRU: DGEMN/DSID

Documentação Administrativa

Casa de Prazias

Intervenção Realizada

PROPRIETÁRIO: 1960 / 1970 - restauro do solar e a capela, mantendo as estruturas e reaproveitando alguns materiais, como as telhas; remoção de rebocos da caixa-murária; demolição de anexo parasitário que tinha sido construído na zona posterior da capela; 1982 - substituição da cobertura exterior.

Observações

Autor e Data

Lina Marques 1998

Actualização

 
 
 
Termos e Condições de Utilização dos Conteúdos SIPA
 
 
Registo| Login