Herdade da Agolada de Cima / Núcleo edificado da Agolada de Cima

IPA.00035678
Portugal, Santarém, Coruche, União das freguesias de Coruche, Fajarda e Erra
 
Herdade construída no início do séc. 20, composta por área de mara, zona agrícola, com casa principal e capela, casas dos trabalhadores, escola e vários anexos de apoio à atividade.
 
Registo visualizado 173 vezes desde 27 Julho de 2011
 
   
   

Registo

 
Conjunto arquitetónico  Edifício e estrutura  Residencial multifamiliar  Monte    

Descrição

Conjunto composto por casa principal, casas dos trabalhadores agrícolas, capela, cavalariça, adega e vários dependências relacionadas com a atividade agrícola e florestal da herdade. CASA de planta retangular irregular, evoluindo em dois e três pisos, com coberturas diferenciadas em telhados de três e quatro águas, apresentando, no topo sul, uma galeria alpendrada, com acesso por escadaria. CAPELA de planta retangular simples, antecedida por alpendre, de volumes articulados e escalonados, com coberturas diferenciadas em telhados de duas e três águas. Fachadas rebocadas e pintadas de branco, percorridas por faixas pintadas de amarelo, a principal flanqueada por cunhais apilastrados pintados de amarelo e firmados por pináculos. Fachada principal antecedida por alpendre fechado, com acessos laterais e frontal, sustentado por seis colunas toscanas, sobre muros de alvenaria, rebocados e pintados. Remata em empena e é rasgada por portal de verga reta e moldura simples, ladeado por dois postigos, protegidos por grades. Fachadas laterais cegas e reforçadas por contrafortes em esbarro.

Acessos

E.N. 114, Caminho de acesso à Herdade da Agolada de Cima.

Protecção

Categoria: CIM - Conjunto de Interesse Municipal, Anúncio n.º 51/2015, DR, 2.ª série, n.º 56 de 20 março 2006

Enquadramento

Rural, implantado a norte da vila de Coruche, próximo da Estrada Nacional 114.

Descrição Complementar

Utilização Inicial

Agrícola: herdade

Utilização Actual

Comercial e turística: unidade hoteleira

Propriedade

Privada: pessoa colectiva

Afectação

Época Construção

Séc. 20

Arquitecto / Construtor / Autor

Cronologia

Séc. 20, início - construção da herdade, que tinha 5500 hectares; 1908 - inicia-se a plantação de eucaliptos na propriedade, destinados à produção de papel e de óleo; 1961 - a herdade é dividida em duas parcelas; 2013, 26 junho - publicação do aviso de abertura do procedimento de classificação pela Câmara Municipal de Coruche, em Aviso n.º 8218/2013, DR, 2.ª série, n.º 121; 2014, 24 julho - pedido de parecer da Câmara Municipal de Coruche sobre a classificação como interesse municipal; 30 setembro - Despacho do diretor-geral da DGPC a determinar o arquivamento do processo de classificação do conjunto, como interesse nacional; 2015, 11 fevereiro - Deliberação da Câmara Municipal de Coruche, de aprovar a classificação do conjunto como Conjunto de Interesse Municipal, 20 março - publicação do anúncio de abertura do procedimento de classificação, em Anúncio n.º 51/2015, DR, 2.ª série, n.º 56.

Dados Técnicos

Materiais

Bibliografia

http://www.patrimoniocultural.pt/pt/patrimonio/patrimonio-imovel/pesquisa-do-patrimonio/classificado-ou-em-vias-de-classificacao/geral/view/18271076 [consultado em 21 dezembro 2016].

Documentação Gráfica

Documentação Fotográfica

Documentação Administrativa

Intervenção Realizada

Observações

Autor e Data

Actualização

 
 
 
Termos e Condições de Utilização dos Conteúdos SIPA
 
 
Registo| Login