Teatro Gil Vicente

IPA.00031722
Moçambique, Cidade Maputo, Maputo (M), Maputo (M)
 
Arquitectura cultural, do século 20. Estilo Arte Deco.
Número IPA Antigo: MZ910201000028
 
Registo visualizado 465 vezes desde 27 Julho de 2011
 
   
   

Registo

 
Edifício e estrutura  Edifício  Cultural e recreativo  Casa de espetáculos  Teatro  

Descrição

Edifício de planta rectangular. Fachada (SE.) em estilo Art Deco com friso superior imitando um friso clássico, ao centro do qual existem o letreiro (em neon) GIL VICENTE. Uma grande pala que acompanha toda a fachada do edifício. Base de Laje na parte avançada e telhado de duas águas na zona mais recuada do edifício. No nível inferior, ladeado por duas portas (já alteradas em relação ao projecto inicial) situa-se a bilheteira, abrindo-se ao exterior atráves de um vidro único com dois guichets, com uma fina moldura de madeira; sobre o vidro, um rectângulo com pastilha azul e um letreiro "Bilheteira". INTERIOR: Ao nível do átrio de entrada, existência de um balcão de madeira, no qual se insere uma vitrina envidraçada, servindo actualmente esse espaço de zona de venda de comida e bebidas aos espectadores.

Acessos

Rua Samora Machel (antiga Avenida D. Luís I)

Protecção

Enquadramento

Urbano, flanqueado, ergue-se na Avenida Samora Machel de fronte para o Jardim Tunduru, nas proximidades da Casa do Ferro (v. MZ910201000024).

Descrição Complementar

Utilização Inicial

Cultural e recreativa: teatro

Utilização Actual

Cultural e recreativa: cinema

Propriedade

Afectação

Época Construção

Séc. 20

Arquitecto / Construtor / Autor

ARQUITECTO: Nuno Gama (1932 - 1933); ENGENHIERO: Francisco Cabral (1932 - 1933)

Cronologia

1913, 8 Setembro - inauguração do Teatro Gil Vicente, com capacidade para 1000 pessoas; 1931, 7 Novembro - o edifício do Teatro Gil Vicente sofre um incêndio, antes da matinée dominical; 1933 - reconstrução do edifício segundo projecto do arquitecto Nuno Gama e do engenheiro Francisco Cabral.

Dados Técnicos

Materiais

Bibliografia

FERNANDES, José Manuel. Geração Africana - Arquitectura e Cidades em Angola e Moçambique, 1925-1975, Lisboa: Livros Horizonte, 2002, p.97; MORAIS, João Sousa, Património urbano de Maputo: notas sobre o quadro edificatório in Ur - Cadernos da Faculdade de Arquitectura da Universidade Técnica de Lisboa, nº 5, Lisboa, Faculdade de Arquitectura da Universidade Técnica de Lisboa, 2005, pp.68-77.

Documentação Gráfica

Documentação Fotográfica

Documentação Administrativa

Intervenção Realizada

Observações

EM ESTUDO.

Autor e Data

Tiago Lourenço 2011 (projecto FCT PTDC/AURAQI/104964/2008 "Gabinetes Coloniais de Urbanização: Cultura e Prática Arquitectónica")

Actualização

 
 
 
Termos e Condições de Utilização dos Conteúdos SIPA
 
 
Registo| Login