Império do Espírito Santo do Raminho

IPA.00028259
Portugal, Ilha Terceira (Açores), Angra do Heroísmo, Raminho
 
Arquitetura religiosa, oitocentista. Império de planta retangular, com fachada principal terminada em frontão triangular e rasgada, tal como a lateral, por portal em arco de volta perfeita entre duas janelas do mesmo perfil, com elementos estruturais sublinhados por policromia de sabor popular. O Império constitui a sede da Irmandade do Divino Espírito Santo, a mais antiga agremiação da freguesia.
Número IPA Antigo: PT071901070056
 
Registo visualizado 1689 vezes desde 27 Julho de 2011
 
   
   

Registo

 
Edifício e estrutura  Edifício  Religioso  Império    

Descrição

Planta longitudinal simples, tendo adossado no seu alinhamento casa de apoio. Volumes articulados e coberturas escalonadas em telhados de duas águas no Império. Fachadas rebocadas e pintadas de branco, com embasamento, cunhais, frisos e molduras dos vãos pintadas de verde ou bege. Fachada principal do Império terminado em frontão triangular, coroado por coroa do Espírito Santo e urnas laterais, sobre plintos paralelepipédicos, tendo o tímpano decorado por cartela vermelha inscrita com a data de 1880, entre palmas, elementos fitomórficos e laçarias relevadas e dois florões laterais. É rasgada por três vãos em arco de volta perfeita, correspondendo a porta entre duas janelas de peitoril, todos com bandeiras, de molduras pintadas de bege, sobrepostas por colunas pintadas de verde suportando arquivolta na mesma cor; inferiormente é percorrida por embasamento pintado de verde, ornado de losangos vermelhos nas bases das pilastras dos cunhais, almofadas rectangulares de ângulos curvos nas bases das colunas e panos de peito relevados e pintados de bege sob as janelas. Fachada lateral do Império terminada em dupla cornija, a inferior pintada de verde e a superior de bege, e platibanda plena, pintada de branco com friso inferior e superior em verde; pilastra posterior pintada de verde e igualmente coroada por urna. É rasgada por esquema igual ao da frontaria. Casa de apoio de características semelhantes, com embasamento, cunhais, frisos e molduras dos vãos pintados de verde, terminada em cornija e platibanda plena com urnas nos cunhais. É rasgada por porta de verga recta encimada por cornija vermelha, entre duas janelas de peitoril com moldura formando ligeiros recortes. INTERIOR com as paredes rebocadas e pintadas de branco. Na parede testeira abre-se nicho em arco de volta perfeita, com moldura pintada de vermelho sobreposta por dois anjos e elementos fitomórficos em talha, interiormente pintado de azul a imitar o firmamento e albergando pequeno trono com Coroa do Espírito Santo.

Acessos

Raminho, Estrada Corrente

Protecção

Inexistente

Enquadramento

Urbano, adossado, adaptado ao declive, mais acentuado na fachada lateral direita, onde possui patamar protegido por gradeamento de ferro com portão frontal, disposto de gaveto junto a duas vias públicas alcatroadas. O império possui frontal e lateralmente acesso por escada, tal como a casa de apoio adossada. Nas imediações, ergue-se a Igreja Paroquial (v. PT071901070063).

Descrição Complementar

Utilização Inicial

Religiosa: império do Divino Espírito Santo

Utilização Actual

Religiosa: império do Divino Espírito Santo

Propriedade

Privada: Irmandade

Afectação

Sem afectação

Época Construção

Séc. 19

Arquitecto / Construtor / Autor

Desconhecido.

Cronologia

1880 - data inscrita no tímpano assinalando a construção do império, na qual se empenhou António Ferreira da Costa; 1935, 05 setembro - data dos Estatutos do Império.

Dados Técnicos

Sistema estrutural de paredes portantes.

Materiais

Estrutura rebocada e pintada; portas de madeira; vidros simples; cobertura de telha.

Bibliografia

CAMPOS, João dos Santos de Sousa - Para uma explicação da arquitectura dos Impérios do Espírito Santo. Dissertação de Mestrado em Relações Internacionais, apresentada à Universidade Aberta, texto policopiado. Porto: s.n., 2002; LOPES, Tenente-coronel Frederico - Memória sobre as Festas do Espírito Santo na ilha Terceira dos Açores. Sep. do Boletim do Instituto Histórico da Ilha Terceira. Angra do Heroísmo: Tipografia Andrade, s.d.; MERELIM, Pedro de - As 18 Paróquias de Angra. Sumário Histórico. Angra do Heroísmo: tipografia Minerva Comercial, 1974.

Documentação Gráfica

Documentação Fotográfica

SIPA

Documentação Administrativa

Intervenção Realizada

Observações

EM ESTUDO

Autor e Data

Paula Noé 2009

Actualização

 
 
 
Termos e Condições de Utilização dos Conteúdos SIPA
 
 
Registo| Login