Núcleo urbano da cidade de Ribeira Grande

IPA.00027987
Portugal, Ilha de São Miguel (Açores), Ribeira Grande, Ribeira Grande (Matriz)
 
Núcleo urbano sede municipal (região autónoma). Cidade situada em costa marítima.Vila moderna de jurisdição régia (capitania-donataria).
Número IPA Antigo: PT072105090015
 
Registo visualizado 372 vezes desde 27 Julho de 2011
 
   
   

Registo

 
Conjunto urbano  Aglomerado urbano  Cidade  Vila moderna  Vila moderna  Régia (D. Manuel)

Descrição

Acessos

Ilha de São Miguel. ER5-2A, ER3-1A

Protecção

Inclui Igreja e claustro do antigo Convento da Ordem de São Francisco (v. PT072105020006) / Solar de Nossa Senhora do Vencimento (v. PT072105020007) / Ermida de Nossa Senhora da Conceição das Vinhas (v. PT072105080003) / Igreja Matriz de Nossa Senhora da Estrela (v. PT072105090001) / Igreja da Misericórdia da Ribeira Grande (v. PT072105090002) / Teatro Ribeiragrandense (v. PT072105090008) / Prédio na Rua Dr. Hermano da Silva Mota / Solar da Mafona (v. PT072105100005) / Paços do Concelho da Ribeira Grande (v. PT072105090004) / PP - Plano de Pormenor (Salvaguarda da zona histórica de Ribeira Grande), Aviso n.º 23325/2010, DR, 2.ª série, n.º 220 de 12 novembro 2010

Enquadramento

Implantado em costa marítima, na unidade de paisagem da zona agrícola Capelas / Ribeirinha. A cidade da Ribeira Grande localiza-se sensivelmente a meio da costa norte da ilha de São Miguel, situada no grupo oriental do arquipélago dos Açores. O núcleo urbano situa-se junto ao mar, desenvolvendo-se perpendicularmente à linha de costa, ao longo das margens da ribeira Grande e dos principais eixos viários. Na paisagem envolvente destacam-se os campos agrícolas murados. O concelho da Ribeira Grande é composto por 14 freguesias *1, e limitado pelos concelhos de Nordeste a E., Povoação, Vila Franca do Campo e Lagoa a S., e Ponta Delgada a O.

Descrição Complementar

Utilização Inicial

Não aplicável

Utilização Actual

Não aplicável

Propriedade

Não aplicável

Afectação

Não aplicável

Época Construção

Séc. 16 / 17 / 19

Arquitecto / Construtor / Autor

Não aplicável

Cronologia

1439, 2 julho - Carta régia do infante D. Pedro, regente de D. Afonso V, referindo que o infante D. Henrique já mandara lançar "lançar ovelhas" nas 7 ilhas dos Açores (o Corvo e as Flores foram reconhecidas só em 1452); séc. 15, 2º quartel - provável chegada dos primeiros povoadores à ilha de São Miguel, fixando-se na costa sul; 1474 - desenvolvimento de São Miguel, e da Ribeira Grande, com a vinda de Rui Gonçalves da Câmara (filho de João Gonçalves Zarco), terceiro capitão do donatário da ilha; chegada de novos povoadores oriundos da ilha da Madeira; 1507, 4 agosto - concessão de foral por D. Manuel I, elevando Ribeira Grande à categoria de vila "com uma légua de termo ao redor, contada do pelourinho", possuindo então uma só freguesia, a de Nossa Senhora da Purificação ou de Nossa Senhora da Estrela; 1520 - construção de ponte de um arco unindo as duas margens da ribeira, pelo canteiro Fernão Álvares, a qual ainda hoje existe; séc. 16, início - construção do porto, em Santa Iria; séc. 15, 2º quartel - fundação do mosteiro das Clarissas; 1563 - um enxurrada arruina parte do edificado situado junto às margens da ribeira, assim como o mosteiro das Clarissas; início do crescimento urbano ao longo da rua Direita, eixo O. / E., em detrimento do eixo N. / S. formado pela ribeira Grande; 1507, 4 agosto - concessão de foral por D. Manuel I, elevação a vila; 1536 - fundação do mosteiro de Jesus; 1612 / 1626 - construção do convento de São Francisco (v. PT072105020006); séc. 17, 2ª metade - divisão da jurisdição da ilha entre os concelhos de Vila Franca do Campo, Ponta Delgada e Ribeira Grande; séc. 18 - construção da igreja da Misericórdia (v. PT072105090002); séc. 19 - construção da ponte dos oito arcos, abertura da rua das Pedras (actual rua Sousa e Silva), da avenida Camões e de um acesso ao porto de Santa Iria; 1981, 29 junho - elevação a cidade.

Dados Técnicos

Não aplicável

Materiais

Não aplicável

Bibliografia

AA.VV., Livro das paisagens dos Açores, Contributos para a identificação e caracterização das paisagens dos Açores, Ponta Delgada, Direção Regional do Ordenamento do Território e dos Recursos Hídricos, AA.VV., Ribeira Grande e a sua história, Publiçor, Ponta Delgada, 1998; 2005; FERNANDES, José Manuel, Cidades e Casas da Macaronésia, FAUP, Porto, 1996; IDEM, JANEIRO, Ana, Ribeira Grande: a cidade e o seu concelho, aspectos de arquitectura e urbanismo, Câmara Municipal da Ribeira Grande, 2010; IDEM, História ilustrada da arquitectura dos Açores, Instituto Açoriano de Cultura, Angra do Heroísmo, 2008; FRUTUOSO, Gaspar, Saudades da Terra, Instituto Cultural de Ponta Delgada, 1977-1987; http://www.inventario.iacultura.pt/smiguel/ribeira-grande/index.html (Março 2010)

Documentação Gráfica

IGP: Instituto Geográfico e Cadastral / Campanha de 1976: planta da freguesia da Matriz, Ribeira Grande, escala 1/2000 (secção A)

Documentação Fotográfica

IHRU: SIPA

Documentação Administrativa

Intervenção Realizada

Observações

EM ESTUDO. *1 - Calhetas, Conceição, Fenais da Ajuda, Lomba da Maia, Lomba de São Pedro, Maia, Matriz, Pico da Pedra, Porto Formoso, Rabo de Peixe, Ribeira Seca, Ribeirinha, Santa Bárbara e São Brás.

Autor e Data

Anouk Costa 2011

Actualização

 
 
 
Termos e Condições de Utilização dos Conteúdos SIPA
 
 
Registo| Login