Núcleo urbano da vila de Arcos de Valdevez

IPA.00027934
Portugal, Viana do Castelo, Arcos de Valdevez, União das freguesias de Arcos de Valdevez (Salvador), Vila Fonche e Parada
 
Núcleo urbano sede municipal. Vila situada em margem fluvial. Vila medieval de jurisdição senhorial.
Número IPA Antigo: PT011601340259
 
Registo visualizado 385 vezes desde 27 Julho de 2011
 
   
   

Registo

 
Conjunto urbano  Aglomerado urbano  Vila  Vila moderna  Vila moderna  Régia (D. Manuel)

Descrição

Acessos

EN101

Protecção

Inclui Pelourinho de Arcos de Valdevez (v. PT011601340005) / Igreja Matriz de Arcos de Valdevez (v. PT011601340018) / Igreja do Espírito Santo (v. PT011601340011) / Igreja da Lapa (v. PT011601340012) / Capela de Nossa Senhora da Conceição (v. PT011601340007) / PP - Plano de Pormenor (Renovação urbana do centro histórico de Arcos de Valdevez), Portaria n.º 973/97, DR, 1.ª série-B, n.º 215 de 17 setembro 1997

Enquadramento

Implantado em margem fluvial. Localiza-se Entre Douro e Minho, na sub-região do Minho-Lima e pertence à unidade de paisagem do Vale do Lima. Arcos de Valdevez localiza-se num vale na margem direita do rio Vez e está inserida na sub-região Minho e Lima. A paisagem tem um relevo acidentado de altitudes elevadas e encostas declivosas rasgadas por linhas de água. O município de Arcos de Valdevez está dividido em 36 freguesias e é delimitado a N. pelo município de Monção, a NE. por Melgaço, a E. pela Galiza, a S. por Ponte da Barca, a SO. e a O. por Ponte de Lima e a O. por Paredes de Coura.

Descrição Complementar

Não aplicável

Utilização Inicial

Não aplicável

Utilização Actual

Não aplicável

Propriedade

Não aplicável

Afectação

Não aplicável

Época Construção

Séc. 16 / 18 / 19

Arquitecto / Construtor / Autor

Desconhecido

Cronologia

1320 - a freguesia dos Arcos situa-se na terra de Valdevez e pertence ao território de Entre Minho e Lima e à diocese de Tui; 1514 - concessão de foral à vila de Soajo; 1515, 2 Julho - concessão de foral à vila por D. Manuel I; 1620 - D. Filipe III dá o primeiro título de conde dos Arcos a D. Luís de Brito Lima e Nogueira; séc. 17 - D. Marcos de Noronha é o 4º conde dos Arcos; 1706 - os donatários da vila são os viscondes de Cerveira; 1758 - a vila dos Arcos divide-se em 3 freguesias: S. Paio, S. Jorge e S. Salvador; o donatário da vila dos Arcos é o Tomás da Silva Telles, visconde de Vila Nova de Cerveira; 1852 - fusão de dois concelhos de Soajo e Arcos resultando no concelho de Arcos de Valdevez; 1876 / 1880 - construção da Ponte sobre o rio Vez (Ponte da Vila) substituindo a ponte medieval; 2013, 28 janeiro - criação da União das Freguesias de Arcos de Valdevez e Giela, por agregação das mesmas, pela Lei n.º 11-A/2013, DR, 1.ª série, n.º 19.

Dados Técnicos

Não aplicável

Materiais

Não aplicável

Bibliografia

AZEVEDO, Carlos Moreira, dir., História Religiosa de Portugal, Lisboa, Círculo de Leitores, 2000, vol. 1, p.146; CALDAS, Eugénio de Castro, Terra de Valdevez e Montaria do Soajo, Memória do Concelho de Arcos de Valdevez, Verbo, 1994; CAPELA, José Viriato, As freguesias do distrito de Viana do Castelo nas Memórias Paroquiais de 1758, Braga, Casa Museu de Monção / Universidade do Minho, 2005; COSTA, Carvalho da, Corografia Portuguesa, Lisboa, 1706, Tomo I, p.221.

Documentação Gráfica

Documentação Fotográfica

IHRU: DGEMN/DSID, DGEMN/DREMN

Documentação Administrativa

IHRU: DGEMN/DSID, DGEMN/DREMN

Intervenção Realizada

Observações

Autor e Data

Rita Vale 2012

Actualização

 
 
 
Termos e Condições de Utilização dos Conteúdos SIPA
 
 
Registo| Login