Núcleo urbano da vila de Campo Maior

IPA.00022906
Portugal, Portalegre, Campo Maior, Nossa Senhora da Expectação
 
Núcleo urbano sede municipal. Vila situada em planície na fronteira do Alentejo. Vila medieval de jurisdição de régia com castelo e cerca urbana. Praça de guerra seiscentista.
Número IPA Antigo: PT041204030034
 
Registo visualizado 418 vezes desde 27 Julho de 2011
 
   
   

Registo

 
Conjunto urbano  Aglomerado urbano  Vila  Vila medieval  Vila fortificada  Régia

Descrição

Acessos

EN243, EN371, EN373

Protecção

Inclui Castelo de Campo Maior - Fortificações de Campo Maior (v. PT041204030002) / Pelourinho de Campo Maior (v. PT041204010001) / Igreja Paroquial de Campo Maior (v. PT041204010005) / PP - Plano de Pormenor (Salvaguarda e valorização do centro histórico de Campo Maior), Portaria n.º 269/94, DR, 1.ª série-B, n.º 104 de 5 maio 1994

Enquadramento

Situado em planície, na unidade de paisagem da Peneplanície do Alentejo. Implanta-se entre as cotas altimétricas 275 m (núcleo intramuros) e 300 m (arrabalde / área de expansão recente), a cerca de 1,5 km a O. da zona de protecção especial de Campo Maior (Rede natura 2000) e a 5 km a E. da Barragem do Caia. A morfologia do terreno é marcada um relevo suave, onde predominam as culturas de sequeiro e de regadio (junto à barragem), alternadas com o olival. O concelho de Campo Maior é constituído por três freguesias: Nossa Senhora da Expectação, Nossa Senhora da Graça dos Degolados, São João Baptista, e limitado pelos concelhos de Elvas a SE. e Arronches a O. A N. e E. faz fronteira com Espanha.

Descrição Complementar

Utilização Inicial

Não aplicável

Utilização Actual

Não aplicável

Propriedade

Não aplicável

Afectação

Não aplicável

Época Construção

Séc. 14 / 17 / 18

Arquitecto / Construtor / Autor

ENGENHEIROS MILITARES: João Pascácio Cosmander; Nicolau de Langres (1647); Luís Serrão Pimentel (1662); Manuel de Azevedo Fortes (1734).

Cronologia

1255, 31 maio - elevação a vila por D. Afonso X, rei de Leão; 1260 - concessão de carta de foral por D. Frei Pedro Pérez, bispo e senhor da vila; 1297, 31 maio - assinatura do tratado de Alcanizes entre D. Fernando IV, rei de Leão e Castela e D. Dinis, estipulando que Campo Maior, Olivença e Ouguela passam a fazer parte do reino de Portugal; 1301 - doação da povoação por D. Diniz a sua irmã D. Branca, que a deixa em testamento a D. Afonso Sanches, seu sobrinho e filho natural de D. Dinis, 1310 - D. Dinis manda reedificar o castelo; 1334 - Campo Maio passa para a posse da Coroa; 1510, cerca - levantamento desenhado por Duarte de Armas; 1512 - concessão de foral novo por D. Manuel I; 1644 - direcção das obras de fortificação a cargo de Nicolau de Langres; 1706 - Campo Maior, que tinha 1200 vizinhos, conta à data com apenas 850, devido às guerras com Castela, seu alcaide-mor é José António de Alcáçova, tem abundância de trigo, cevada e legumes, e muitos montes no seu termo (Costa, 1706); 1732 - destruição do castelo e de muitas habitações, dentro e fora da cerca, provocada pela explosão de um paiol; 1758 - nas Memórias Paroquiais, assinadas pelo pároco Thomé António Mendes, é referido que a vila, com 1103 vizinhos e "para cima" de 4450 pessoas, é da coroa, e pertence ao bispado e comarca de Elvas; 1836 - integração de Ouguela no concelho de Campo Maior.

Dados Técnicos

Não aplicável

Materiais

Não aplicável

Bibliografia

ARMAS, Duarte de, Livro das Fortalezas, Lisboa, INAPA, 1990; AZEVEDO, Estêvão da Gama Moura e, Notícias da antiguidade, aumento e estado presente da vila de Campo Maior (...), Câmara Municipal de Campo Maior, 1993; COSTA, António Carvalho da, Corografia Portuguesa, Lisboa, 1706, tomo II, pp. 549; TEIXEIRA, Manuel e VALLA, Margarida, O Urbanismo Português, Séculos XIII-XVIII, Portugal-Brasil, Livros Horizonte, Lisboa, 1999; VITERBO, Sousa, Diccionario Historico e Documental dos Architectos, Engenheiros e Construtores Portuguezes ou a serviço de Portugal, Lisboa, Imprensa Nacional, 1904, vol. I.

Documentação Gráfica

BNP: LANGRES, Nicolau de, Desenhos e Plantas de todas as Praças do reyno de Portugal, c. 1661 (Códice 7445); Planta da Praça de Campo Maior, s.a., s.d. (D. 340 A), Campo Maior, s.a., s.d. (D. 372 V); Planta da Praça de Campo Maior com destinação dos trabalhos da sua reparação..., Caetano Paulo Xavier, s.d. (D. 386 V); Planta da Praça de Campo Mayor, João Tomás Correia, s.d. (DA. 7 A); GEAEM: Campo Maior e terreno adjacente, s.a., 1700-1900 (3783-2-17A-25); Planta da Praça do Campo Maior, José Luís Jacob, 1755 (771-2-17A-25); [Campo Maior e seus arredores, mostrando as movimentações militares de 1801], s.a., 1801 (3777-2-17A-25); Plantas dos Baluartes da Praça do Campo Maior reedificado em 1818, Maximiano José da Serra, 1818 (3768-A-2-17-A25); AHM: Planta da Praça de Campo Maior tal qual existia em Abril de 1797, s.a., s.d., (3.ª divisão, cx. 47, n.º 8379); Planta de Campo Maior no estado em que a Praça se achava antes do ataque de 1801..., Achilles de la Rosière, s.d. (3.ª divisão, cx. 47); Planta de Praça de Campo Maior..., s.a., 1842 (3.ª divisão, cx 47, n.º 19246; Planta da Praça de Campo Maior..., Álvaro Campos, 1890 (3.ª divisão, cx. 47, n.º 19033); Krigsarkivet (Estocolmo): Planta de Campo Maior, s.a., c. 1641 (http://cartografiaurbana.ceurban.com/popfullreg.php?dbid=18®id=23&lang=default); DGOTDU/Arquivo Histórico: Anteplano de Urbanização de Campo Maior, Arq. Leonardo Castro Freire, 1948; Anteplano de Urbanização de Campo Maior - 1ª Remodelação, idem, 1951; Anteplano de Urbanização de Campo Maior - 2ª Remodelação, Arq. Manuel Laginha, 1954).

Documentação Fotográfica

IHRU: DGEMN/DSID; DGEMN/DREMS

Documentação Administrativa

DGARQ/TT: Memórias Paroquiais, vol. 8, nº 80, pp. 551- 582; DGOTDU/Arquivo Histórico: Anteplano de Urbanização de Campo Maior, Arq. Leonardo Castro Freire, 1948; Anteplano de Urbanização de Campo Maior - 1ª Remodelação, idem, 1951; Anteplano de Urbanização de Campo Maior - 2ª Remodelação, Arq. Manuel Laginha, 1954).

Intervenção Realizada

Observações

EM ESTUDO

Autor e Data

Anouk Costa 2012

Actualização

 
 
 
Termos e Condições de Utilização dos Conteúdos SIPA
 
 
Registo| Login