Mamoa de Aspra / Cova da Moura

IPA.00002197
Portugal, Viana do Castelo, Caminha, Âncora
 
Anta megalítica, com simples fossa de enterramento.
Número IPA Antigo: PT011602170019
 
Registo visualizado 280 vezes desde 27 Julho de 2011
 
   
   

Registo

 
Edifício e estrutura  Estrutura  Funerário  Anta / Mamoa    

Descrição

Mamoa de grandes dimensões com c. de 20 m de diâmetro e 3 m de altura, muito danificada, sendo saliente o negativo da violação da câmara. Não apresenta vestígios da couraça pétrea, sendo esta substituída por uma camada de terra saibrenta compactada, incorporando alguns seixos. Não possui qualquer vestígio revelador de câmara megalítica, sendo os enterramentos possivelmente efectuados em grande fossa aberta no saibro base.

Acessos

Âncora, Bouça de Fraião; estradão desde a EM Aspra - Lage a partir do Km 2 da EN 305. VWGS84 (graus decimais): lat.: 41,801002; long.: -8,838406

Protecção

Categoria: IIP - Imóvel de Interesse Público, Decreto nº 67/97, DR, 1.ª série, n.º 301 de 31 dezembro 1997

Enquadramento

Rural, isolado, plataforma de terraço fluvial, coberta de pinhal, na margem esquerda do vale do Rio Âncora.

Descrição Complementar

O espólio deste monumento é constituído por fragmentos cerâmicos, alguns dos quais de cerâmica campaniforme de tipo pontilhado marítimo e material lítico.

Utilização Inicial

Funerária: anta / mamoa

Utilização Actual

Cultural e recreativa: marco histórico-cultural

Propriedade

Privada: pessoa singular

Afectação

Época Construção

Megalítico

Arquitecto / Construtor / Autor

Cronologia

5180 a.C. - construção; 1989, março - Despacho da Secretária de Estado da Cultura determinando a classificação da Mamoa de Aspra como Imóvel de Interesse Público.

Dados Técnicos

Fossa aberta no saibro base.

Materiais

"Tumulus" constituído por terra e saibro compactado, incorporando seixos.

Bibliografia

SARMENTO, Francisco Martins - Dispersos. Coimbra: 1933, pp. 92-95; JORGE, Vítor Oliveira - Megalitismo do Norte de Portugal: o distrito do Porto - os monumentos e a sua problemática no contexto europeu. Dissertação de doutoramento, Porto: Faculdade de Letras da Universidade do Porto, texto policopiado, 1982, vol. 1, p. 425; SILVA, Eduardo Jorge Lopes da - «Escavação da Mamoa de Aspra - Vila Praia de Âncora (Caminha)». In Revista de Ciências Históricas. Porto: 1989, n.º 4, pp. 13-38.

Documentação Gráfica

Documentação Fotográfica

DGPC: DGEMN:DSID

Documentação Administrativa

Intervenção Realizada

Séc. 19, finais - escavação arqueológica de responsabilidade de Francisco Martins Sarmento; 1988 / 1989 - escavação arqueológica de responsabilidade de Eduardo Jorge Lopes da Silva.

Observações

O espólio deste monumento encontra-se depositado no Museu dos Serviços Geológicos, em Lisboa, e na posse do Dr. Eduardo Jorge Lopes da Silva.

Autor e Data

Paulo Dordio e Paulo Amaral 1995

Actualização

 
 
 
Termos e Condições de Utilização dos Conteúdos SIPA
 
 
Registo| Login