Capela de Nossa Senhora da Consolação

IPA.00014461
Portugal, Beja, Serpa, Brinches
 
Arquitectura religiosa, quinhentista, popular, vernácula, barroca. Capela mariana, de cuja fábrica quinhentista ainda é possível ver claramente a abóbada de cruzaria de ogivas, com nervuras rebocadas e caiadas que cobre a capela-mor. A estrutura edificada segue os modelos austeros da tradição popular regional, com volumes diferenciados rebocados e caiados, poucas aberturas alçado principal mais elaborado, com pilastras, cornijas e volutas de argamassa destacadas pela pintura a cinzento. O Barroco afirma-se poderosamente na composição azulejar que reveste o arco triunfal e a capela-mor, de grande teatralidade, com cortinas esvoaçantes, anjos sustendo medalhões e grinaldas de flores e folhagens, em composições de grande dinamismo e riqueza de pormenores.
Número IPA Antigo: PT040213020040
 
Registo visualizado 697 vezes desde 27 Julho de 2011
 
   
   

Registo

 
Edifício e estrutura  Edifício  Religioso  Templo  Capela / Ermida  

Descrição

Planta longitudinal, escalonada, orientada, composta por nártex, nave e capela-mor a que se adossa a S. a sacristia. Volumes articulados com coberturas diferenciadas em terraço no nártex e telhados de duas águas, acompanhando a curvatura das abóbadas, para a nave, capela-mor e sacristia. Fachada principal com nártex de um só pano, assente em soco de cantaria granítica, definido por cunhais de argamassa pintados de cinzento com bases de cantaria e rematado superiormente por cornija pintada de cinzento, encimada por volutas de argamassa que ladeiam cruz latina assente em plinto e urnas de argamassa no coroamento das pilastras; rasgado por arco de asa de cesto emoldurado e assente em pilastras com capitéis pintado a cinzento e bases de cantaria; em segundo plano eleva-se o topo da nave em empena delimitada por cornija pintada a cinzento, encimada por campanário em espadana, de remate em empena e olhal em arco de volta perfeita onde se insere sineta de bronze. Fachada N. com nártex de esquema idêntico ao da fachada principal, mas sem cruz de remate central, substituída por uma esfera de argamassa, nave destacada, de pano cego rematado por cornija pintada de cinzento e beirado, capela-mor recuada de pano cego rematado por cornija pintada a cinzento e beirado, ainda mais recuada a sacristia apresenta esquema semelhante. Fachada E. com capela-mor de pano cego em empena rematada por cornija pintada a cinzento, tendo à esquerda a sacristia destacada rematada por empena curva rasgada por janela. Fachada S. de esquema idêntico à fachada N. com excepção da sacristia que é mais destacada que a nave. INTERIOR: de uma só nave, coberta por abóbada de berço assente em cornija pintada acinzento; sobre a porta principal rasga-se uma janela acima da qual se abre um orifício na abóbada, por onde passa a corda do sino; as paredes laterais são cegas, destacando-se apenas uma mísula de cada lado, junto da capela-mor. Arco triunfal de volta perfeita emoldurado e assente em pilastras, cujos capitéis se prolongam em cornijas, revestidos por barras de azulejos, formando moldura com grinalda; o arco é enquadrado por composição azulejar que ocupa toda a parede até à abóbada, com remate superior em barra de enrolamentos de folhas de acanto e composição figurativa representando Nossa Senhora com o Menino nos braços, abençoando com a mão direita e sustendo o orbe na esquerda, enquadrados por nuvens onde esvoaçam querubins e anjos, destacando-se dois grandes anjos em adoração que ladeiam as imagens; nas paredes laterais destacam-se medalhões ovais, o da esquerda com um obelisco encimado pelo sol e filactera com a inscrição " VMBRAMNESCIT. " e o da direita com uma árvore e uma serpente encimadas pela filactera com a inscrição " ODORE FVGAT SUO " enquadrados por largas grinaldas de folhagens, flores e frutos, sustidas inferiormente por dois pequenos anjos e superiormente por outros dois, um dos quis sustem uma fita onde está suspenso o medalhão. Capela-mor coberta por abóbada de cruzaria de ogivas com nervuras rebocadas e caiadas, altar precedido por degrau de cantaria, com mesa de altar e banqueta de alvenaria revestidas por azulejos de figuras avulsas, nicho em arco de volta perfeita, de planta semicircular, e parede fundeira revestida por azulejos de figuras avulsas com barras de remate com enrolamentos de folhas de acanto. Paredes laterais revestidas por azulejos de figuras avulsas enquadrados por barras com enrolamentos de folhas de acanto, que criam a um terço da altura uma barra divisória definidora de um lambril, na parede da direita abre-se a porta de acesso à sacristia a que corresponde na parede oposta uma porta falsa, integrada na composição azulejar, pintada a azul e branco. Sacristia coberta por abóbada de berço arrancando de cornija, com janela na parede E..

Acessos

Rua da Estrada. VWGS84 (graus decimais) lat. 38,033971 long. -7,607782.

Protecção

Inexistente

Enquadramento

Urbano, isolado, junto da entrada da povoação, numa pequena elevação, precedida por escadaria com degraus de cantaria e murete, rodeada por jardim com canteiros de flores e caminhos calcetados; à esquerda localiza-se a escola primária.

Descrição Complementar

Utilização Inicial

Religiosa: capela

Utilização Actual

Religiosa: capela

Propriedade

Privada: Igreja Católica (Diocese de Beja)

Afectação

Sem afectação

Época Construção

Séc. 16 / 18

Arquitecto / Construtor / Autor

PINTOR DE AZULEJO: Policarpo de Oliveira Bernardes, azulejos (atr.)

Cronologia

Séc. 16 - construção da capela-mor e paredes da nave; séc. 18, primeira metade - construção da sacristia, abóbada da nave, nártex e revestimentos azulejares; séc. 20, meados: revestimento da parede fundeira da capela-mor com azulejos réplicas dos das paredes laterais.

Dados Técnicos

Estrutura mista

Materiais

Paredes de alvenaria de pedra e cal, rebocadas e caiadas, com cunhais, cornijas e elementos secundários pintados a cinzento, pavimentos de tijoleira, coberturas em abóbadas de tijolo, rebocadas e caiadas, telhados em telha de canudo, portas e caixilharias de madeira, azulejos.

Bibliografia

Documentação Gráfica

IHRU: DGEMN/DSID

Documentação Fotográfica

IHRU: DGEMN/DSID

Documentação Administrativa

IHRU: DGEMN/DSID

Intervenção Realizada

JFB: 1999 - arranjos exteriores, caiação, e obras de conservação geral e limpeza.

Observações

Autor e Data

Ricardo Pereira 2000

Actualização

 
 
 
Termos e Condições de Utilização dos Conteúdos SIPA
 
 
Registo| Login